Giuseppe Marotta rechaça venda de Marchisio e comenta especulações na Juventus

No início desta semana, a emissora italiana Rai noticiou uma possível transferência de Claudio Marchisio ao Milan. De acordo com a fonte, o volante estaria insatisfeito com a sua posição atual no clube, lutando contra forte concorrência no setor e, por vezes, amargando o banco de reservas.

Na manhã desta terça-feira (22), o diretor esportivo da Juventus, Giuseppe Marotta, aproveitou a apresentação oficial do novo reforço Blaise Matuidi para esclarecer determinadas especulações que cercam o clube de Turim, inclusive a situação de Claudio Marchisio.

"Sintomas de insatisfação absolutamente não existem no clube. Marchisio faz parte deste time que aumenta seu nível de qualidade, ano após ano. Comparado a anos atrás, há mais concorrência no meio-campo hoje. Cabe ao treinador decidir quem joga. No entanto, há de se notar que fizemos 57 partidas na última temporada, então precisamos de um elenco realmente competitivo.", afirmou.

Perguntado sobre as situações de Keita Baldé e Patrik Schick, Marotta foi categórico. De acordo com o mandatário, não há mais nenhuma negociação em curso por estes atletas: "Keita é um caso encerrado, Schick é um caso encerrado. Para a imprensa é fácil falar 'Milan, Juventus ou Roma' [interessados], mas para nós são casos encerrados.", bradou categoricamente.

Outro nome citado na coletiva foi o de Leonardo Spinazzola. Pertencente à Juventus, o meia de 24 anos está na Atalanta via empréstimo. É desejo do atleta retornar à Vecchia Signora, mas, ao que tudo indica, o compromisso com o clube de Bérgamo deve se manter durante a temporada 2017/18.

"É sabido que precisamos de um jogador com este perfil em nosso elenco, mas também é verdade que nós entramos em um acordo com a Atalanta válido por duas temporadas, e queremos honrá-lo, pois há respeito mútuo entre nós.", concluiu.

VAVEL Logo