Xabi Alonso afirma que Real Madrid pode conquistar seis títulos na temporada: "Não é impossível"
Foto: Dani Pozo/AFP

Xabi Alonso, ex-volante espanhol que marcou época atuando pelo Real Madrid, foi um dos convidados da Uefa para uma conferência onde jogadores, técnicos e dirigentes debateram sobre o futuro do futebol.

Juntamente com craques como Seedorf e Leonardo, discutiram “sobre tudo do jogo, até onde vai o futebol, novos aspectos que estão sendo introduzidos e como afetarão o esporte. Nos pediram nossa opinião sobre o assuntos como as substituições, o VAR, muitas coisas”, contou Xabi em entrevista após a reunião.

Alonso foi perguntado sobre o protagonismo hoje assumido pelo Real Madrid, que anteriormente era do rival Barcelona e não poupou elogios ao ex clube: “Se olharmos como estão jogando nos últimos anos e a saúde do time, sem dúvida que é a referência em todos os sentidos, tanto na Europa, quanto no mundo e podendo durar ainda muitos anos”.

Xabi Alonso quando ainda atuava pelo Real Madrid com Zinedine Zidane, atual treinador | Foto: DIvulgação/Uefa
Xabi Alonso quando ainda atuava pelo Real Madrid com Zinedine Zidane, atual treinador | Foto: DIvulgação/Uefa

Zinedine Zidane, atual treinador do clube blance, também foi alvo dos elogios do campeão mundial em 2010 com a seleção espanhola: “Ele tem um grande mérito, como tem sabido gerenciar o grupo e como tem conseguido manter todos ligados. Ganhou até a La Liga, que ultimamente não se dava muito bem”.

“O Madrid ganhou três UCL em quatro anos, não está mal. Entre a nona e a décima nos custou muito”, comentou Xabi comparando o atual time com épocas passadas e adicionou: “Todo o madridismo está muito animado e a sensação que transmite é que se pode conseguir mais. Conquistar seis títulos em uma temporada é complicado, mas não é impossível”, concluiu.

Ainda sobre o domínio merengue, Alonso disse que “os times vão continuar apertando, mas o Real Madrid está em um nível mais alto neste momento e com jogadores jovens, que não param de somar” e falou sobre Asensio: “Aos poucos vão dar importância mais importância a ele sem que o queimem. Está crescendo a passos muito largos e a cada dia é mais importante”.

Treinadores e dirigentes que participaram da reunião organizada pela Uefa | Foto: Divulgação/Uefa
Treinadores e dirigentes que participaram da reunião organizada pela Uefa | Foto: Divulgação/Uefa

Xabi também falou sobre a sua aposentadoria com apenas 35 anos e sobre o retorno de Villa à Seleção da Espanha: “Minha saída foi muito consciente, tanto da Seleção como do futebol. Tem que saber quais são seus momentos para dizer adeus. Me alegro muito por Villa. A vontade que tinha de voltar era enorme. Merece muito e tenho certeza que vai cumprir bem o seu papel”.

Jogador do Real Madrid entre 2009 e 2014, Xabi conquistou a La Liga, a Copa do Rei duas vezes, a Supercopa da Espanha e a Uefa Champions League, sendo ainda campeão da Copa do Mundo de 2010 e da Euro 2010 enquanto atuava pelo gigante da capital.

VAVEL Logo