Presidente do Sassuolo vê Berardi mais valioso que Bernardeschi e Schick

Em entrevista concedida ao famoso periódico italiano Gazzetta dello Sport, o presidente do Sassuolo, Giorgio Squinzi, falou sobre a renovação do atacante Domenico Berardi, de 23 anos.

Especulado em grandes clubes do país como Internazionale, Roma e Juventus, o jogador optou, durante a janela de transferências de verão, por continuar na equipe neroverde, estendendo seu contrato por mais cinco temporadas, até 2022.

Para o mandatário, diante de todo o "assédio" ao atleta durante as duas últimas temporadas, a permanência de uma das principais referências da equipe é algo a ser celebrado. 

"Estamos muito felizes com essa renovação, nunca deixamos de acreditar em Berardi. Queremos que ele se transforme em nossa bandeira, em um símbolo de nosso clube. Este é o meu sonho", confessou Squinzi.

Questionado se o valor de mercado (€ 40 milhões) de Berardi assustou potenciais compradores, o presidente foi taxativo, citando, inclusive, as recentes milionárias transações envolvendo Federico Bernardeschi e Patrik Schick, novos reforços de Juventus e Roma, respectivamente.

"Ele [Berardi] vale cada centavo de todo este dinheiro. € 40 milhões é a pedida correta por um jogador com as qualidades que ele tem. Na verdade, é provável que mereça até mais. Jogando com tranquilidade, Berardi está, no mínimo, no mesmo nível de Bernardeschi e Patrick Schick", pontuou.

Um dos principais clubes interessados em contar com o jovem atacante para a temporada 2017/18 foi a Internazionale. Giorgio Squinzi confessou que ver o atleta com a camisa nerazzurra não estava nos planos: "Na verdade nunca houve um veto à Inter, mas preciso ser honesto: como milanista, eu achava difícil vê-lo vestindo certas cores...", concluiu.

VAVEL Logo