Tottenham suporta pressão, vence West Ham com um a menos e mantém 100% fora de casa

Se jogando em Wembley o Tottenham tem tido dificuldades para encontrar a vitória - já são três jogos e nenhum triunfo -, fora de casa os Spurs mantiveram o 100% na edição 2017/18 da Premier League ao bater o West Ham por 3 a 2, com dois de Harry Kane e um de Christian Eriksen, na manhã deste sábado (23). Chicharito e Kouyaté foram às redes pelos donos da casa. Este foi o terceiro confronto jogado como visitante e contabilizou a terceira vitória. 

O resultado dá o 11º ponto ao time de Mauricio Pochettino, levando-o ao terceiro lugar provisório, já que o restante da rodada ainda está para acontecer. Já os Hammers, permanecerão com seus quatro pontos e na 17ª posição, mas podem entrar na zona de rebaixamento. A situação pode piorar no decorrer da ronda.

Jogando no próximo sábado (30), às 8h30, o Tottenham visitará o Huddersfield Town, completando o segundo jogo seguido longe de Wembley. No meio de semana, porém, joga pela Uefa Champions League. O West Ham retorna a campo duas horas e meia depois dos Spurs no sábado (30), quando receberá o Swansea City.  

Kane marca dois e Tottenham constrói confortável vantagem no primeiro tempo

O jogo começou com os dois times já trocando a posse de bola desde o início, como costuma ser no começo das partidas de futebol. Contudo, quando já tinham alguns minutos no relógio, o West Ham conseguiu ter a redonda por mais tempo, conseguindo inclusive a primeira chance de gol, aos nove minutos, quando Chicharito avançou, tabelou com Arnautovic e arriscou de fora, mas o esférico saiu em linha de fundo. 

Depois da chance de Javier, porém, o Tottenham passou a tomar controle da partida, tentando criar jogadas em cima da defesa bem posta dos Hammers. A partir daí, o jogo ficou mais morno, com as duas equipes mostrando sinais de cautela naquela altura, preferindo não tomar o gol. Os donos da casa passaram a utilizar do contra-ataque como uma arma para o confronto, visto a dominante atuação com a bola dos Spurs. 

Mas, foi um contragolpe que abriu o placar aos visitantes. Eriksen aproveitou passe errado na intermediária e deu bela bola para Alli na direita que, sozinho, conseguiu um cruzamento rápido para Kane cabecear para o fundo das redes e movimentar os números do jogo pela primeira vez em Londres. Aos 38, Alli recebeu nova bola agora pela esquerda e, no um contra um versus o goleiro, chutou para defesa do arqueiro, mas, no rebote, Kane chegou para marcar o segundo no jogo. 

Tottenham tem jogador expulso, mas consegue marcar mais um e triunfar

A urgência do empate por parte dos donos da casa fizeram com que eles se lançassem mais ao ataque no início da segunda etapa, mostrando uma postura ofensiva necessário para o restante do jogo. Porém, foi o Tottenham que marcou novamente no Olímpico de Londres, quando Kane cobrou falta da esquerda com força e a bola explodiu na trave. No rebote, Eriksen aproveitou bola na área e chutou com força e rasteiro para vencer o goleiro e ampliar a vantagem dos visitantes. 

Aos 17, o camisa 10 continuou buscando mais um tento na partida. Em jogada pela esquerda, avançou e chutou com a perna canhota para ver o arqueiro adversário fazer a defesa e, na sequência, a bola bater na trave. Mas, aos 20, os anfitriões diminuiram a diferença. Chicharito, de cabeça, depois de bela jogada de bola parada, mandou para o gol de Lloris. Próximo dos 25, Aurier acabou levando o segundo amarelo e deixando o Tottenham com um a menos pelos minutos finais.

Já aos 33, Chicharito fez jogada dentro da área e bateu com força para defesa de Lloris no reflexo. A pressão dos donos da casa começou a dar resultado. Kouayté subiu mais alto que todo mundo aos 41 para cabecear forte para o gol, levando o placar para 3 a 2. A continuidade da pressão, porém, acabou não rendendo em nada, já que os visitantes conseguiram se segurar na defesa e garantir a vitória sofrida. 

VAVEL Logo