Barcelona enfrenta Olympiacos mirando classificação antecipada na Champions

Nesta terça-feira (31), o Olympiacos recebe o Barcelona às 17h45 no Stadio Georgios Karaiskakis pela fase de grupos da Uefa Champions League, em busca do seu primeiro ponto na competição. Ainda sonhando com uma vaga na Europa League, os gregos querem começar a recuperação diante do embalado Barça, que pode garantir a classificação antecipada em caso de vitória.

Na última rodada as equipes se enfrentaram no Camp Nou com um domínio completo dos donos da casa. A vitória por 3 a 1 não refletiu a diferença de atuação entre os times. Em situação difícil no grupo, o Olympiacos espera ao menos conquistar um ponto diante do forte adversário.

Pressão em casa por melhores resultados

O técnico Takis Lemonis compareceu diante dos repórteres para a entrevista pré-jogo e, como não era diferente, foi questionado sobre ter um jogo tão complicado logo após uma derrota contra um rival no final de semana - derrota para o Panathinaikos - e se mostrou confiante: "Tivemos um resultado ruim, mas precisamos focar no nosso próximo jogo. Depois das derrotas, um nobo jogo é sempre bem-vindo. Mas, nesse caso, é o Barcelona".

Entrevista coletiva de Takis Lemonis | Foto: Divulgação/Uefa
Entrevista coletiva de Takis Lemonis | Foto: Divulgação/Uefa

A pressão de conseguir um melhor resultado dentro de casa é reconhecida pelo comandante, que espera ao menos conquistar um ponto: "Jogando em casa nós sentimos a pressão de fazer mais - nessa situação, conquistar um ponto. Barcelona faz o mesmo jogo em casa ou fora, já classificados ou precisando de pontos. Estamos conscientes de que o nosso futuro no grupo depende dos últimos dois jogos", comentou.

Perguntado se os seus jogadores sentem medo por enfrentar o Barça, Lemonis virou para Fortounis e perguntou: "Você está motivado?", o meia riu e o treinador continuou: "Na carreira de um jogador não há nada mais importante do que jogar partidas como esta, é como um sonho, apesar da pressão".

Somente o atacante brasileiro Sebá é dúvida para o confronto com uma lesão no joelho, o restante do elenco está disponível e Lemonis vai com força máxima para a partida.

Boa forma e tranquilidade para trabalhar

Apesar de um início de temporada não muito bom, o Barcelona reencontrou os bons resultados e chega para a partida praticamente classificado e com menos pressão, recorrentes desde a temporada passada.

Ernesto Valverde - técnico do Barcelona que também treinou o Olympiacos entre 2010 e 2012 - falou sobre a emoção de retornar ao ex-clube: "É uma ocasião emocionante retornar ao estádio onde vivi tantas experiências. Estou ansioso pelo jogo e espero conseguir os três pontos. Mais do que tudo eu quero viver aquela atmosfera novamente".

Valverde acredita que a postura do adversário será diferente por estarem jogando em casa e precisando pontuar: "Em Barcelona fizeram um jogo mais defensivo para tentar nos surpreender, agora em casa buscarão a vitória com o forte apoio da torcida".

Valverde no último treinamento da equipe antes da partida | Foto: Divulgação/Uefa
Valverde no último treinamento da equipe antes da partida | Foto: Divulgação/Uefa

Gerard Deulofeu, que teve um ótimo desempenho na partida na Espanha, falou sobre o bom momento do time: "Estamos em boa forma e temos chances excelentes em todas as competições. Lideramos a La Liga, temos só vitórias na UCL e começamos bem na Copa do Rei. Queremos vencer o máximo de partidas possível para chegar no final da temporada com chances de títulos".

Gerard Piqué está suspenso, Dembélé, Arda Turan, Rafinha e Iniesta continuam lesionados. Aleix Vidal e Mascherano são dúvidas mas devem ir para o jogo. A maior dúvida é se Valverde manterá o rodízio de jogadores também neste jogo.

No outro duelo do grupo a Juventus, vice-líder com seis pontos enfrenta o Sporting em Portugal. Em caso de vitória italiana, a classificação fica encaminhada, caso os portugueses vençam a vaga nas oitavas de final ficará totalmente aberta.

VAVEL Logo