Estrelas brilham, Paris Saint-Germain goleia Strasbourg e continua na ponta

A equipe parisiense comete erros defensivos, mas as estrelas brilham e time conquista vitória em casa para se isolar na liderança

Estrelas brilham, Paris Saint-Germain goleia Strasbourg e continua na ponta
(Créditos: C.Gavelle/Divulgação/PSG)
Paris Saint-Germain
5 2
Strasbourg

O Paris Saint-Germain conquistou uma importante vitória por 5 a 2 sobre o Strasbourg neste sábado (17). Jogando no Parc de Princes, pela vigésima sexta rodada da Ligue 1, o time levou alguns sustos por falhas em sua marcação e viu o adversário abrir o placar logo aos seis minutos. Entretanto, Neymar, Cavani e Di Maria foram decisivos no ataque e sacramentaram a goleada.

Na rodada 27, os parisienses vão enfrentar o Olympique de Marselha no próximo domingo, em casa. Já o Strasbourg recebe o Montpellier para tentar se afastar da zona da degola, na sexta-feira.

Defesa do PSG começa mal e leva susto, porém atuações individuais seguram jogo

Os "azuis" entraram em campo após uma amarga derrota para o Real Madrid na Liga dos Campeões, com a missão de aumentar a "gordura" em relação ao vice-líder do Campeonato Francês. Porém, o Strasbourg começou pressionando e abriu o marcador aos 6 minutos com gol de Alohou, após o sistema de marcação dar uma bobeira, coisa que se repetiu durante a maior parte da partida. Após o gol, o PSG foi pra cima e conseguiu arrancar o empate logo em seguida aos 10 minutos, com Draxler, e depois consegue marcar mais dois gols em sequência: Neymar aos 21 com muita habilidade, aplicando um chapéu desconcertante no goleiro Koné na pequena área, e Di Maria aos 22 após um vacilo dos visitantes na saída de bola.

Visitantes incomodam na segunda etapa, mas PSG constrói goleada

O Strasbourg voltou a campo menos ofensivo, criando poucas oportunidades e dando espaço pro time da casa, que conseguiu encaixar melhor a marcação. Mesmo assim, após outra "paçocada" da defesa parisiense, a equipe branca chegou a marcar o segundo tento com Bahoken e deixou o placar em 3 a 2. Depois desse outro susto, os anfitriões foram pra cima, com Neymar fazendo uma grande partida, mas não conseguiram marcar até que o artilheiro Cavani mostrou que a que veio, fazendo um belíssimo gol de cavadinha, que encobriu o goleiro e encerrou um curto jejum de 20 dias sem balançar as redes, e ainda fez o segundo de cobertura, após um passe magistral de Neymar do meio de campo.