Com gol de Dempsey, Seattle Sounders vence Chivas e larga
na frente na Concachampions
Divulgação: Seattle Sounders

Com gol de Dempsey, Seattle Sounders vence Chivas e larga na frente na Concachampions

Em uma partida muito disputada em Seattle, Dempsey marca aos 33' do segundo tempo para colocar os estadunidenses em vantagem no confronto

leonardodomingues
Leonardo Domingues
Seattle SoundersFrei; Marshall, Torres, McCrary, Francis; Svensson, Roldan, Lodeiro (Wingo); Dempsey, Bwana; Bruin (Neagle).
Chivas GuadalajaraCota; Mayorga, Salcido, Alanís; Pineda, Pérez (Macías), López (Sandoval), Godínez; Brizuela (Pizarro), Pulido e Cisneros.

Na madrugada desta quinta-feira (8), o Seattle Sounders recebeu o Chivas Guadalajara, em partida de ida válida pelas quartas da Liga dos Campeões da Concacaf. Com um gol de Clint Dempey nos minutos finais, os estadunidenses venceram por 1 a 0 e largaram em vantagem em busca de vaga nas semifinais da competição.

O jogo foi no Century Link Field, mas muitos mexicanos marcaram presença no estádio, e, por isso, a partida parecia ser no México. Com o apoio de sua torcida, o Chivas começou controlando a partida. Porém, mesmo com a posse da bola, os visitantes não conseguiam infiltrar a forte defesa dos Sounders. Até que aos 11 minutos, Carlos Cisneros cruzou para José Godíñez, que, por sua vez, esbarrou no goleiro Stefan Frei, que fez uma boa defesa.

Aos 27, veio a resposta do Seattle: finalização de Will Bruin no cantinho, que obrigou o arqueiro Rodolfo Cota a se esticar todo e fazer uma bela defesa. Aos 33 minutos, um lance simplesmente bizarro, com uma chance perdida pelos mexicanos: bola lançada para Alan Pulido, que, com um toque na bola, fez o marcador Roman Torres cair com o rosto no gramado. O mexicano finalizou e Frei fez uma bela defesa com o ombro direito, à queima-roupa.

Na segunda etapa, domínio do time da casa, que contou com uma boa atuação de Nicolás Lodeiro. Logo aos dois minutos, cruzamento do uruguaio, Bruin subiu mais que a zaga mexicana e cabeceou com precisão, mas a bola explodiu na trave.

Foi aí que a estrela do experiente Clint Dempsey brilhou. Aos 33', Henry Wingo fez boa jogada pelo lado direito e cruzou para o meio da área, e o camisa 2 apareceu entre quatro marcadores para escorar e marcar para o Seattle Sounders.

Histórico: além da vitória dos Sounders, o Toronto FC bateu o Tigres por 2 a 1 e o New York Red Bulls venceu o Tijuana por 2 a 0. Essa foi a primeira vez na história da Concachampions que três times da MLS venceram mexicanos, na mesma rodada das quartas de final.

Os times voltam a campo à meia-noite da próxima quinta-feira (15). Para avançar de fase, os comandados de Matias Almeyda precisam vencer por dois gols de diferença, sendo que 1 a 0 leva a partida para a disputa por penâltis.

VAVEL Logo

    Futebol Internacional Notícias

    há 15 horas
    há 16 horas
    há 16 horas
    há 18 horas
    há 17 horas
    há um dia
    há um dia
    há um dia
    há 2 dias
    há 2 dias
    há 2 dias