Lanús perde para Sporting Cristal, mas avança de fase na Copa Sul-Americana

Com Lautaro Acosta no banco, Granate sofre, mas avança à segunda fase da Copa Sul-Americana; goleiro Andrada tem boa atuação

Lanús perde para Sporting Cristal, mas avança de fase na Copa Sul-Americana
Reprodução: AFP/STR (Getty Images)
Sporting Cristal
2 1
Lanús
Sporting Cristal: Álvarez; Madrid, Revoredo, Merlo, Cespedes; Cazulo (Mejía); Costa, Calcaterra, Ballon (Olivares), Pacheco (Rojas); Herrera.
Lanús: Andrada; Carrasco, García, Paz, Pasquini; Martínez (Lodico), Marcone, Belmonte; Silva, Di Renzo (Acosta) e Moreno (Vides).

Nesta quarta-feira (07), o Lanús foi até Lima, no Peru, para enfrentar o Sporting Cristal, em partida de volta válida pela primeira fase da Copa Sul-Americana. Os argentinos perderam por 2 a 1, mas avançaram à segunda fase, graças à vantagem construída no jogo de ida. O atacante Emmanuel Herrera e o meia Horacio Calcaterra marcaram para os peruanos, enquanto Rolando García descontou para os argentinos.

O 4 a 2 em La Fortaleza parecia um grande resultado para visitar o Sporting Cristal, mas os comandados de Mario Salas tornaram a tarefa do Lanús difícil. Logo aos 8 minutos, o artilheiro Emmanuel Herrera - que havia marcado os dois gols peruanos na Argentina - abriu o placar convertendo um pênalti infantil cometido por Marcelino Moreno.

A partir daí, o Sporting Cristal, precisando de mais um gol pra avançar, controlou o jogo, com uma posse de bola superior, triangulações e duas finalizações ao gol, que exigiram esforço do goleiro Esteban Andrada.

Na segunda etapa, os mandantes seguiram dominando a partida, com um volume bem alto, tendo finalizado sete vezes. Mas apesar de envolverem os argentinos, o nervosismo foi batendo conforme o tempo passava, e o goleiro Andrada teve atuação inspirada. O Lanús, que trabalhava bem contra-atacando, voltou a ficar em situação favorável após empatar a partida: aos 41 minutos, após escanteio cobrado por Gastón Lodico e o zagueiro Rolando García subiu mais que todo mundo, para marcar o seu primeiro gol pela equipe.

No desespero, aos 48 minutos, Horacio Calcaterra ainda conseguiu botar os donos da casa na frente, com um belíssimo gol, em um chute de rara felicidade da entrada da área. Mas foi só, Anderson Daronco apitou e a partida acabou 2 a 1 para o Sporting Cristal (vitória do Lanús por 5 a 4, no agregado).

Classificado, o Lanús agora espera o sorteio para descobrir o seu adversário na segunda fase da Copa Sul-Americana. Enquanto isso, foca na recuperação na Superliga: recebe o Estudiantes no próximo domingo, às 17h. Ao Sporting Cristal, resta o Campeonato Peruano. O time lidera o Torneo Verano - equivalente ao Apertura - com 12 pontos em 15 possíveis, e volta à campo também no próximo domingo, para enfrentar o Universitario.