Volante Walace é afastado do elenco principal do Hamburgo por indisciplina

Brasileiro se recusou a jogar como zagueiro e não esteve no último jogo da equipe mesmo sem ser relacionado, e agora estará treinando com a equipe sub-21

Volante Walace é afastado do elenco principal do Hamburgo por indisciplina
Walace chegou ao Hamburgo em janeiro de 2017 e ainda não se firmou (Foto: TF-Images via Getty Images)

As coisas não vão nada bem para o Hamburgo na Bundesliga. Único a nunca ser rebaixado na Alemanha, o time perdeu no último sábado (17) de virada por 2 a 1, em casa para o Hertha Berlin, e agora amarga a lanterna do campeonato – o então lanterna Colônia venceu o dérbi contra o Bayer Leverkusen por 2 a 0. E agora o clube também tem que lidar com problemas internos do elenco.

Nesta terça-feira (20), a equipe confirmou via nota oficial que o volante Walace está afastado por indisciplina. O brasileiro estará treinando por tempo indeterminado com a equipe sub-21, até que sua situação seja definida. A decisão foi anunciada pelos diretores do Hamburgo, Frank Wettstein and Bernhard Peters.

O clima já não era dos melhores pelo que aconteceu no começo de 2018 – Flamengo e Atlético-MG buscaram por empréstimo um retorno de Walace ao Brasil, e a mídia alemã relatou que o brasileiro teria forçado uma negociação. Mas no fim das contas, ele acabou ficando.

Agora, segundo Peters, Christian Titz (novo técnico que assumiu o cargo no último dia 12 de março) recomendou que Walace jogasse como zagueiro para ter mais oportunidades no time titular em seu esquema, mas o brasileiro se recusou.

Além disso, a diretoria teria pedido que ele estivesse no Volksparkstadion durante a partida contra o Hertha Berlin no último sábado (17) mesmo sem ter sido relacionado, mas além de não estar presente, publicou fotos com amigos nas redes sociais durante a partida. Tudo isso acabou se acumulando até a confirmação do afastamento nesta terça (20).

Recusa de ordem do técnico Christian Titz para jogar de zagueiro ajudou a culminar no afastamento de Walace (Foto: Oliver Hardt/Bongarts via Getty Images)
Recusa de ordem do técnico Christian Titz para jogar de zagueiro ajudou a culminar no afastamento de Walace (Foto: Oliver Hardt/Bongarts via Getty Images)

Walace falhou em cumprir suas obrigações contratuais repetidamente nas últimas semanas. Depois de sua conduta negativa no começo do ano, foi dado como certo em seu retorno que o jogador deveria atuar com os interesses da equipe em primeiro lugar e acima de tudo, e deveria concordar com as ideias do novo técnico e jogar na posição onde o treinador achasse que ele ficaria melhor. E também não podemos tolerar o fato de que ele não esteve no estádio apoiando seus companheiros na luta contra o rebaixamento”, disse Bernhard Peters.

Com isso, Walace a partir de agora treinará com a equipe sub-21 até que tudo se resolva. O brasileiro nesta temporada atuou em 19 jogos pelo Hamburgo (18 na Bundesliga e um na Copa da Alemanha), marcando um gol e dando duas assistências. Contratado em janeiro de 2017 por aproximadamente €10 milhões junto ao Grêmio, após vencer a Copa do Brasil de 2016 e ser um grande destaque do tricolor, o jogador de 22 anos ainda não conseguiu se firmar de vez como titular em terras alemãs e até perdeu espaço na Seleção Brasileira.

O Hamburgo é o lanterna da Bundesliga com apenas 18 pontos em 27 jogos. Na próxima rodada, a equipe enfrenta o Stuttgart fora de casa, na Mercedes-Benz Arena, no dia 31 de março.