Show na arquibancada e no campo: Com festa uruguaia, Peñarol vence Tucuman pela Libertadores
Foto: Divulgação/Club Atletico Peñarol

Em noite de confrontos épicos na Libertadores da América, o duelo entre Penãrol e Atlético Tucumán não deixou a desejar. Festa da torcida, jogo disputado e emoção. Assim podemos definir o embate sul-americano desta quarta-feira (4), em partida válida pela 2ª rodada do Grupo 3. No Uruguai, melhor para os donos da casa. 

A partida se iniciou como um típico clássico sul-americano: show na arquibancada, e, dentro de campo, um embate muito truncado e faltoso. Tantas faltas resultaram num pênalti, a favor do Peñarol, logo aos 9 minutos da etapa inicial. Com perfeição, Cristian Rodriguéz não desperdiçou a cobrança, abrindo o placar para os donos da casa. 

Festa na arquibancada da torcida uruguaia (Foto: Divulgação)
Festa na arquibancada da torcida uruguaia (Foto: Divulgação)

Com um gol sofrido logo no início da partida, qualquer estratégia adotada pela equipe do Atlético Tucumán estava destroçada. O time argentino não conseguia furar o bloqueio adversário, insistindo, sem sucesso, em jogadas aéreas, não levando perigo à meta uruguaia. 

No segundo tempo, mais do mesmo. Aos 5 minutos da etapa derradeira, Manya, após boa jogada aumentou a vantagem da equipe anfitriã. Com dois gols no início das etapas, o Atlético Tucumán, entretanto, não desistiu de suas investidas. Seguiu com a tentativa de jogadas aéreas e pelas laterais. Deu certo. Aos 17 minutos, Aliendro sofreu pênalti, e, Pulga Rodriguez descontou para os visitantes. 

A partir de então, a emoção ditou o ritmo do confronto. O Penãrol, não queria e não podia perder preciosos pontos dentro de casa. O Tucumán, paradoxalmente, lutava, com investidas perigosas, com objetivo de conquistar pontos fora de casa. Mas a equipe da casa logo tratou de esfriar a possível reação argentina. Aos 38 minutos, Ramon Árias deu números finais à noite: 3 a 1 para o clube uruguaio. 

Na próxima rodada, o Peñarol visita o Libertad, do Paraguai. O Atlético Tucumán, por sua vez, realizará mais um jogo longe de seus domínios. Dessa vez, diante do The Strongest, da Bolívia. 

VAVEL Logo