River Plate empata sem gols com Santa Fe e mantém Flamengo na liderança isolada do Grupo 4

O reencontro entre Monumental de Núñez e Copa Libertadores da América não foi como os Millonarios esperavam. Em encontro válido pela segunda rodada do Grupo 4, River Plate e Independiente Santa Fe empataram por 0 a 0.

Durante o primeiro tempo, o River tentou o jogo pelos flancos, principalmente pelo lado esquerdo, com as investidas de Marcelo Saracchi e Rodrigo Mora. E teve uma boa oportunidade de abrir o placar em cobrança de falta de Gonzalo Martínez, que Lucas Pratto cabeceou com muito perigo, mas o chileno Julio Bascuñán sinalizou falta no lance.

Nos minutos finais, o River cresceu com as tentativas de Mora, cobrando falta perigosamente, e Enzo Pérez, que arrancou pela direita e arriscou o chute. Em ambos lances o goleiro Robinson Zapata interviu de maneira excelente.

No início do segundo tempo, outra vez, a equipe de Gallardo mostrou protagonismo e esteve perto do gol com Pity Martínez, porém a zaga bloqueou seu arremate de maneira providencial.  

Mas o River precisava de sangue novo, lhe faltava um elemento surpresa e seu comandante fez uma dupla substituição: Mora e Nacho Fernández deram lugar à Ignacio Scocco e Juan Fernando Quintero.

Mais servido no ataque, foi Pratto quem perdeu chance clara aos 61’. E depois de uma má saída do goleiro, Pity Martínez experimentou de longe e a bola raspou a trave. 

Pressionando muito, os argentinos tiveram a chance de abrir o placar em tiro livre. O colombiano Quintero cobrou no canto do goleiro, que reagiu muito bem, afastando o perigo. Na sequência, o artilheiro Wilson Morelo finalizou forte para Franco Armani, no reflexo, fazer um verdadeiro milagre.

Tropeçar pela segunda vez em dois jogos na Libertadores não seria a única má notícia para Gallardo. Aos 80’, Enzo Pérez sentiu um incômodo na coxa direita e deixou o campo. Em seu lugar entrou o garoto Exequiel Palacios, mesmo que não tenha mudado o panorama da equipe, já que ele também é volante. 

Sem mais trocas por fazer, o comandante do River Plate apostou nesses homens para cada a reta final da partida. Mas sem ideias e frente uma forte marcação colombiana, o 0 a 0 com sabor amargo prevaleceu no placar.

Com o empate, argentinos e colombianos chegam ao segundo ponto e veem o Flamengo, que tem quatro, isolar-se na ponta. O lanterna do grupo é o Emelec, que possui um único ponto.

Pela terceira rodada, o River Plate vai até o Equador enfrentar o Emelec, no dia 19, às 21h30. Enquanto isso, o Independiente Santa Fe visita o Flamengo no dia 18, às 21h45.

VAVEL Logo