Manchester City recebe Liverpool para tentar milagre pela Champions League

Manchester City recebe Liverpool para tentar milagre pela Champions League

Com desvantagem de três gols, equipe de Pep Guardiola precisa de uma vitória por quatro gols para se classificar; Reds podem perder por até dois gols e mesmo assim avançará

MauricioCola
Maurício Simões
Manchester CityEderson; Walker, Kompany, Otamendi, Delph; Fernandinho, De Bruyne, David Silva; Sterling, Agüero, Sané.
LiverpoolKarius; Alexander-Arnold, Lovren, Van Dijk, Robertson; Wijnaldum, Oxlade-Chamberlain, Milner; Salah, Firmino, Mané.
ÁRBITROAntonio Mateu Lahoz (ESP).
INCIDENCIASJogo de volta das quartas de final da UEFA Champions League. Partida a ser disputada no Etihad Stadium, em Manchester (ING).

A UEFA Champions League dá a partida aos jogos de volta das quartas de final nesta terça-feira (9). Jogando no Etihad Stadium, o Manchester City recebe o Liverpool e busca reverter uma larga vantagem criada pelos Reds. A equipe de Jürgen Klopp está próxima de voltar às semifinais pela primeira vez em dez anos.

O Liverpool venceu o jogo de ida por 3 a 0 e pode perder por dois gols que ainda assim sairá classificado. Os Citizens precisam vencer por quatro gols de diferença para avançar às semifinais. Se devolver o placar do jogo de ida, o City provocará prorrogação. Em caso de empate no tempo extra, haverá disputa de pênaltis.

Do lado dos mandantes, o momento é de tensão. O Manchester City lidera de forma tranquila a Premier League, com 84 pontos, mas foram derrotados nos últimos dois jogos - para o Liverpool, pela Champions League, e para o rival Manchester United, pela Premier League.

Já o Liverpool é o 3° colocado na Premier League, com 67 pontos, e brigam diretamente pela vice-liderança. Os Reds estão em busca de manter sua invencibilidade na UEFA Champions League, que dura nove jogos na atual temporada.

O último confronto entre as equipes aconteceu na última quarta-feira (4). Jogando em Anfield, os Reds venceram o City por 3 a 0, no jogo de ida da UEFA Champions League. Mohamed Salah, Alex-Oxlade Chamberlain e Sadio Mané marcaram para o Liverpool. 

No Etihad Stadium, o último confronto teve goleada do City, por 5 a 0, pela Premier League. Sergio Agüero, Gabriel Jesus (duas vezes) e Leroy Sané (duas vezes) marcaram os gols da equipe de Pep Guardiola.

O Manchester City pode ter Sergio Agüero como titular pela primeira vez em mais de um mês, devido ao seu retorno aos gramados diante do Manchester United no fim de semana, como substituto. John Stones, que perdeu o Derby de Manchester com um problema muscular, é dúvida.

Mohamed Salah (lesão na virilha), Andy Robertson (panturrilha) e Alberto Moreno (coxa) devem estar disponíveis depois de terem desfalcado os Reds no Merseyside Derby do último sábado (7), enquanto jovem meia-atacante Ben Woodburn voltou aos treinos e pode ser relacionado.

No entanto, os Reds não terão Joel Matip (coxa), Emre Can (costas), Adam Lallana (coxa) e Joe Gomez (tornozelo), enquanto o capitão Jordan Henderson é desfalque por suspensão pelo terceiro cartão amarelo.

Pep Guardiola sabe que somente a perfeição pode fazer o City recuperar a desvantagem do jogo de ida. (Foto: Getty Images/Shaun Botterill)

Pep Guardiola quer "jogo perfeito" do City

Em coletiva de imprensa, o técnico do Manchester City admitiu que seu time precisa entregar uma performance perfeita diante do Liverpool. Guardiola aceita que o City terá que encontrar um delicado equilíbrio entre defesa e ataque contra o Liverpool, e por isso, apenas um desempenho perfeito será suficiente para avançar.

"Para passar, temos que ter o jogo perfeito. Criar muitas chances e ser clínico quando você criar essas chances. Conceder poucas chances. Defender bem, com nosso goleiro fazendo defesas", disse Guardiola.

"Todas as condições têm de ser quase perfeitas para nós, porque o primeiro resultado foi duro. Temos 90 minutos e sabemos que tudo pode acontecer", destacou o comandante citizen.

Guardiola também destacou a importância de sair na frente para progredir sua trajetória na Champions League.

"Claro que temos de marcar o primeiro e depois o segundo, vamos ver. Pelo momento em que estamos na Liga dos Campeões, temos que tentar fazer durar mais tempo", enfatizou Guardiola.

Jürgen Klopp enfatiza a necessidade de trabalhar para classificação ser garantida. (Foto: Getty Images/Daniel Roland)

Klopp rejeita favoritismo

Na coletiva de imprensa, Jürgen Klopp afirmou que o Liverpool deve evitar a complacência em campo ao administrar a vantagem de três gols, enfatizando que não há favoritismo do lado vermelho do confronto.

"Eu não estou interessado (no rótulo de favoritos)", disse o alemão. "Estamos apenas em vantagem. É melhor do que eu esperava, mas todos sabem que ainda há muito trabalho a fazer", completou Klopp.

Sobre o estado físico de Salah, Klopp deixou claro que só será possível ser definitivo no dia do jogo.

"Ele com certeza não está 100%. Ele estava ontem com o treinador atlético, em treinamento", disse Klopp. "Então temos que esperar pela reação, até amanhã, e então tomaremos uma decisão", concluiu o técnico do Liverpool.

VAVEL Logo

    Futebol Internacional Notícias

    há 5 horas
    há 2 dias
    há 2 dias
    há 2 dias
    há 2 dias
    há 2 dias
    há 2 dias
    há 2 dias
    há 3 dias
    há 3 dias
    há 3 dias