Técnico do Gladbach reprova segundo tempo da equipe contra Bayern: "Defendemos muito mal"
Borussia de Hecking foi goleado pelo Bayern (Foto: Sebastian Widmann/Bongarts via Geety Images)

O Borussia Mönchengladbach foi até Munique enfrentar o Bayern, hexacampeão alemão, neste sábado (14). E a viagem não foi das melhores: os donos da casa não tomaram conhecimento e golearam por 5 a 1 na Allianz Arena pela 30ª rodada da Bundesliga. O Gladbach chegou a abrir o placar com Josip Drmic, mas depois dali só deu Bayern. Sandro Wagner (duas vezes), Thiago Alcântara, David Alaba e Robert Lewandowski fizeram para dar o triunfo aos bávaros.

Após o jogo, o técnico do Die Fohlen falou sobre a derrota. Dieter Hecking criticou a atuação da sua equipe, especialmente a partir da segunda etapa. O comandante do Gladbach falou que o elenco precisava ser mais resistente aos donos da casa e que, especialmente após tomar o terceiro gol, o time não conseguiu jogar e viu o Bayern desenvolver melhor seu estilo de jogo.

Você pode perder em Munique, não é uma vergonha, acontece. Mas eu não aceito algo como o segundo tempo. A forma como o meu time jogou após o 3-1 não é aceitável. Defendemos muito mal e deixamos o Bayern jogar. Eles foram capazes de desenvolver o toque de bola, algo que nós realmente queríamos tirar deles. Teríamos que desenvolver muito mais resistência. Isso não foi suficiente, e precisamos falar mais sobre isso”, disse Hecking.

Quem também falou sobre o revés foi o volante Cristoph Kramer. O alemão reconheceu que o Mönchengladbach jogou bem nos primeiros 20 minutos de jogo, mas a partir daí começou a ser sufocado pelo forte ataque do Bayern. Assim, segundo ele, os gols foram questão de tempo. O objetivo agora, de acordo com Kramer, é focar nos quatro jogos restantes da Bundesliga.

Perder de 5 a 1 nunca é bom. Conseguimos parar o Bayern nos primeiros 20 minutos, mas esperava que pudéssemos manter isso por mais tempo. Eles começaram a nos forçar mais e mais para o nosso campo, e foi incrivelmente difícil para se defender após ondas e mais ondas de ataque. Precisamos voltar ao nosso jogo rapidamente e colocar tudo nesses quatro jogos restantes”, disse o volante.

Com o resultado, o Borussia Mönchengladbach estacionou na oitava posição do Campeonato Alemão, com 40 pontos. A próxima partida do Die Fohlen é contra o Wolfsburg, em casa, no Borussia-Park, na próxima sexta-feira (20).

VAVEL Logo