Com gol no fim, Napoli bate Juventus fora de casa e abre disputa pelo título italiano

Com gol no fim, Napoli bate Juventus fora de casa e abre disputa pelo título italiano

Koulibaly marca aos 45 minutos da segunda etapa e deixa disputa pela Serie A aberta restando quatro rodadas para o fim

mathenrique
Matheus Henrique

No duelo mais esperado da temporada italiana não faltou emoção. Aos 45 minutos do segundo tempo, Koulibaly definiu o placar para a primeira vitória da Napoli sobre a Juventus no Allianz Stadium na história. Com o 1 a 0, a disputa pelo troféu da Serie A está cada vez mais aberta. O confronto foi válido pela 34ª rodada do campeonato, restando mais quatro jogos para o fim.

Antes da partida, a Juventus somava 86 pontos contra 82 da Napoli, que se manteve na liderança por boa parte do campeonato. Após um grande comando, os napolitanos perderam um pouco do fôlego no decorrer do torneio enquanto a Juve conseguiu bela arrancada e roubou o primeiro lugar.

A partida representava um divisor de águas: a quatro rodadas do fim, ou a Vecchia Signora disparava na liderança, abrindo sete pontos e deixava o título encaminhado, ou a Napoli deixaria a Serie A mais indefinida do que nunca.

O time da casa começou sentindo um forte desfalque. Logo no primeiro ataque do Napoli, após chute de Insigne, o jogador se chocou com Chiellini, que sentiu lesão ao pisar de forma errada. O zagueiro tentou permanecer no gramado por mais tempo, mas teve de ser substituído logo aos nove minutos por Lichtsteiner.

Aos 15 minutos, Pjanic cobrou falta perto da área, a bola desviou na barreira e bateu na trave esquerda de Pepe Reina.  Após o lance, a Juve fez forte pressão, mas não conseguiu abrir o placar.

Precisando do resultado, o Napoli resolveu se abrir e arriscar mais. A mudança de mentalidade resultou em incômodos à zaga adversária, defesas de Buffon e até um gol impedido. Já na reta final da primeira etapa, aos 37, Jorginho lançou Insigne, que ficou livre afrente do lendário goleiro e balançou as redes. O jogador estava em posição irregular, mas causou emoções no Allianz Stadium.

No intervalo, Massimiliano Allegri surpreendeu e sacou Dybala para entrada de Cuadrado na equipe. Para a segunda etapa, o Napoli tentou impor seu ritmo no início para conseguir a vitória. Aos seis minutos, Hamsik levou perigo em chute dentro da área, mas a bola bateu apenas nas redes pelo lado de fora. No entanto, a pressão não seguiu e a pressão aumentava conforme o passar do tempo.

A decepção parecia tomar conta dos ânimos napolitanos, e a esperança se reduzia com o passar do tempo. O panorama parecia piorar quando os jogadores criavam boas oportunidades, mas sempre esbarravam em Gianluigi Buffon. Mas chegou o momento em que o líder da Juve nada pôde fazer. Quando tudo parecia acabar em 0 a 0 e encaminhar o sétimo titulo consecutivo da Juve, Koulibaly subiu no terceiro andar após escanteio cobrado por Callejón e abriu o placar. Aos 45 minutos, a esperança do Napoli ressurgiu e o campeonato ficou mais em aberto do que nunca.

Agora, o Napoli se encontra com 85 pontos, apenas um atrás da Juventus, que tem 86. Restando quatro jogos, a equipe partenopei terá os seguintes compromissos: Fiorentina (fora), Torino (dentro), Sampdoria (fora) e Crotone (dentro). 

Enquanto isso, os bianconeri enfrentarão Inter de Milão (fora), Bologna (dentro), Roma (fora) e Verona (dentro).

VAVEL Logo
CHAT