Simeone valoriza esforço do Atlético de Madrid após expulsão: "Estes jogadores são quase heróis"

Simeone valoriza esforço do Atlético de Madrid após expulsão: "Estes jogadores são quase heróis"

Time espanhol jogou com um a menos desde os 10 minutos do primeiro tempo e arrancou um empate no final

LeScoralick
Leandro Fonseca

Da forma com que a partida se desenrolou no Emirates Stadium, o empate, que já seria um bom resultado para o Atleti, se tornou quase uma vitória. Vrsaljko foi expulso logo aos 10 minutos, mas no final Griezmann conseguiu marcar um gol que deu grandes esperanças aos colchoneros.

Diego Simeone, também expulso pouco depois do cartão vermelho de seu jogador, reconheceu após o jogo o grande trabalho feito por seus comandados: "Eu vi desde a tribuna que estes jogadores são quase heróis por como aguentaram o jogo, é extraordinário. Em um estádio assim, com esse time, esse treinador, fico arrepiado só de pensar no jogo da volta", declarou.

Sobre sua expulsão, Simeone preferiu não acusar o árbitro e não criou polêmicas: "Sou muito respeitoso, entendo que os árbitros erram como nós ou os jogadores. É um jogo muito rápido, as decisões são determinantes. Ele entendeu que deveria me expulsar e nós tivemos que sobreviver na Europa League, creio que essa frase define bem".

Questionado se chegou a perder as esperanças por ter um jogador a menos logo no começo do jogo, o treinador citou exemplos nos quais se apoiou para continuar acreditando: "Lembro em Barcelona quando perdemos Filipe Luís muito cedo, e também de outra oportunidade em que perdemos Fernando Torres, mas resistimos no segundo tempo", recordou.

El Cholo seguiu a elogiar a sua equipe e convocou a torcida rojiblanca para a partida de volta: "Sabem como é difícil defender? Não têm nem ideia, o futebol é feito para jogar, quem se defende tem que ter muita coragem para se manter durante 85 minutos. Uma mensagem importante para que a torcida nos acompanhe, porque necessitamos mais do que nunca".

Pra finalizar, comparou o jogo à atual temporada do Atleti: "A síntese desta partida foi do ano que estamos tendo. Um ano com muitas mudanças, nosso estádio novo, saída de jogadores, sem contratar no verão. Tomara que o esforço seja recompensado e consigamos chegar à final".

No domingo (29), o Atletico visita o Alavés pelo Campeonato Espanhol e na próxima quinta-feira (3) recebe o Arsenal no Wanda Metropolitano para decidir quem estará na grande final da Uefa Europa League.

VAVEL Logo
CHAT