Rudi Garcia exalta campanha do Marseille após vice da UEL: "Não há nada que se envergonhar"

Treinador se mostrou orgulhoso com desempenho da equipe na Europa League e ressaltou o aprendizado que os jogadores vão levar para a próxima temporada após derrota por 3 a 0 na final para o Atlético de Madrid

Não foi desta vez que o Olympique de Marseille conquistou o título da Uefa Europa League. Nesta quarta-feira (16), a equipe francesa foi derrotada pelo Atlético de Madrid por 3 a 0 na final da competição, em Lyon. Após o vice-campeonato, o técnico Rudi Garcia comentou sobre a partida e resumiu que o erro no primeiro gol custou caro para os olimpianos, principalmente após a evolução dos colchoneros no segundo tempo.

"Tivemos a melhor chance no início, mas depois cometemos um erro numa jogada que nos custou um gol. E frente a uma equipe como o Atlético, não se pode cometer um erro como aquele, pois pode acabar pagando caro. No segundo tempo, eles aumentaram o nível e foi difícil para nós", analisou.

Garcia lembrou que o Marsellie ainda teve oportunidades de diminuir o resultado quando os espanhóis na segunda etapa, principalmente na bola em que Mitroglou cabeceou na trave. "É uma pena, já que nós conseguimos criar mais oportunidades no segundo tempo e poderíamos ter reaberto o jogo", comentou.

A lesão do meio-campista Payet logo no primeiro tempo foi bastante sentida pelos Les Phocéens de acordo com o treinador. Principal referência e capitão da equipe, o jogador era uma das armas para furar a forte defesa do Atletí. "Quando o nosso capitão se machucou, perdemos muito em campo", analisou.

Apesar do placar acachapante, o treinador francês não acredita que a derrota tenha estragado a campanha do time na Liga Europa. Ele fez questão de destacar que o jogo contra o Atlético, uma equipe que possui mais bagagem em torneios continentais, serviu para dar ainda mais experiência a seus comandados.

"O time mais experiente ganhou, o Atlético de Madrid é um grande time e não há nada de que se envergonhar, isso não diminuiu a aventura que foi o Olympique neste ano. Somos jovens e aprendemos algo esta noite. Estou feliz com a caminhada e nós vamos tentar novamente no próximo ano", afirmou com um tom orgulhoso.

No sábado (19), às 16h, o Marseille fecha sua temporada. Quarto colocado da Ligue 1, o OM recebe o Amiens precisando de uma vitória e de um tropeço do Lyon contra o Nice, em casa, para assegurar uma vaga para a Uefa Champions League da próxima temporada.