Emocionado, Allegri fala sobre despedida de Buffon: "Ele mereceu um adeus como esse"

Emocionado, Allegri fala sobre despedida de Buffon: "Ele mereceu um adeus como esse"

Treinador trabalhou com o goleiro por quatro anos e se comoveu com as homenagens na partida contra o Verona

Caio__Vinicius
Caio Vinicius

Foram 17 anos de clube, 656 jogos e 19 títulos. Gianluigi Buffon terminou hoje sua história de amor com a Juventus após um longo período juntos. Diante do Hellas Verona, em Turim, o goleiro se despediu da torcida bianconera e de seus companheiros com diversas homenagens e muita emoção.

Desde 1995 na Vecchia Signora, Buffon trabalhou junto com vários treinadores diferentes, mas um em especial com certeza marcou a carreira do arqueiro. Foi sob o comando de Massimiliano Allegri sua maior série de conquistas, sendo sete troféus e duas finais de Champions League entre 2014 e 2018. Emocionado, o técnico falou sobre o adeus do lendário goleiro.

"Fiquei comovido por ele, nesses quatros anos em que treinei a Juve, o vi fazendo coisas impressionantes e um adeus como esse é mais que merecido. Houve uma atmosfera maravilhosa", afirmou.

Buffon foi homenageado após ser substituído aos 63 minutos da partida contra o Verona. Aos aplausos e sob lágrimas dos torcedores, ele deixou o gramado do Allianz Stadium cumprimentando cada de seus, agora, ex-companheiros. Para Allegri, as homenagens não foram nada mais que justas.

"Gigi Buffon foi homenageado por tudo o que fez com essa camisa e não havia melhor maneira de terminar essa história", afirmou o comandante.

Assim como Buffon, que tem futuro incerto, o treinador ainda não sabe o que lhe espera daqui pra frente. Apesar dos rumores de uma possível ida para o Arsenal, ele afirmou recentemente seu desejo de permanecer na Itália.

VAVEL Logo
CHAT