Após empate contra Senegal, Akira Nishino destaca luta do Japão: "Não perdemos a fé"

Após empate contra Senegal, Akira Nishino destaca luta do Japão: "Não perdemos a fé"

Técnico japonês comentou sobre como equipe foi buscar o resultado, após ter ficado atrás do placar duas vezes

Caio__Vinicius
Caio Vinicius

Japão e Senegal fizeram uma grande partida na segunda rodada na Copa do Mundo neste domingo (24). A equipe africana conseguiu ficar a frente em duas oportunidades, mas os asiáticos dificultaram o jogo e conseguiram empatar em 2 a 2. O treinador da equipe nipônica, Akira Nishino, comentou sobre a forma como a seleção buscou o resultado.

“Foi um jogo difícil e sempre soubemos que ia ser assim. Sabíamos que Senegal não era uma seleção que poderíamos vencer facilmente, mas a equipe esteve tranquila depois de sofrer dois gols, e foi positivo, não perdemos a fé e conseguimos empatar duas vezes", afirmou.

O treinador destacou a confiança que seus comandados tiveram ao longo dos 90 minutos de bola rolando. "Construímos bem os ataques e jogamos no nosso próprio ritmo. As substituições que tivemos foram muito bem. Os jogadores estavam muito confiantes e positivos. Cheguei a pensar que poderíamos ter procurado a vitória", disse.

Nishino falou que o principal objetivo era sair com a vitória em Ecaterimburgo, mas reconheceu a força de Senegal. Agora, o Japão vai para o último jogo tendo que empatar com a eliminada Polônia para se classificar ás oitavas de final ela terceira vez em sua história.

"Queria ganhar essa partida, mas o Senegal é uma seleção muito forte. Espero que o resultado gere mais confiança para a próxima partida”, comentou.

A partida entre Japão e Polônia acontece na quinta-feira (28), às 11h, em Volgogrado. No mesmo horário, Senegal e Colômbia se enfrentam em confronto direto por uma vaga às oitavas de final.

VAVEL Logo

Futebol Internacional Notícias

há 3 dias
há 3 dias
há 3 dias
há 3 dias
há 4 dias
há 3 dias
há 4 dias
há 4 dias
há 4 dias
há 4 dias
há 5 dias