Davi e Golias! Inglaterra enfrenta Panamá em busca de vaga na próxima fase da Copa da Rússia

Assim como a Bélgica, ingleses podem confirmar vaga em caso de vitória contra os panamenhos em Nizhny Novgorod

Davi e Golias! Inglaterra enfrenta Panamá em busca de vaga na próxima fase da Copa da Rússia
Inglaterra
Panamá
Inglaterra : Jordan Pickford; Kyle Walker, John Stones, Harry Maguire; Kieran Trippier, Ruben Loftus-Cheek, Jordan Henderson, Jesse Lingard, Ashley Young; Marcus Rashford, Harry Kane
Panamá : Jaime Penedo; Roman Torres, Fidel Escobar, Michael Murillo, Eric Davis; Gabriel Gomez, Anibal Godoy, Armando Cooper, Edgar Barcenas, Jose Luis Rodriguez; Blas Perez

Pela primeira vez em 12 anos, a Inglaterra iniciou uma campanha de Copa do Mundo com uma vitória. Agora, a equipe do craque Harry Kane vai atrás do objetivo de confirmar sua vaga nas oitavas final, contra o Panamá, em Nizhny Novgorod, e na última rodada do Grupo G decidir a primeira colocação contra a Bélgica.

Mudanças na equipe

Apesar de Harry Kane estar em boa forma  e das 17 chances contra os tunisianos, eles tiveram que esperar até o primeiro minuto do tempo de de acréscimos para conseguir virar a partida. 

Empolgados com a primeira vitória desde a Alemanha 2006, a Inglaterra está crescendo. Eles não estarão subestimando o Panamá, no entanto. Tem havido muita especulação sobre a possibilidade de Ruben Loftus-Cheek e Rashford começarem no lugar de Dele Alli, que está se recuperando de uma lesão na coxa e Sterling, por opção do treinador. A inclusão deles poderia dar à Inglaterra mais força, algo que eles precisarão contra forte jogo físico do Panamá.

Foto: Getty Images
Foto: Getty Images

Esperança em surpreender

Depois de fazer sua estreia na Copa do Mundo, o Panamá espera e se concentrar na tarefa de conseguir competir contra grandes equipes. Ao assumir um lado perigoso da Inglaterra, os panamenhos esperam mostrar maior disciplina tática com a formação 4-1-4-1 e, acima de tudo, representam uma ameaça ofensiva em uma tentativa de permanecer na competição.

O Panamá terá outras idéias, no entanto. Embora bem conscientes de que falta o poder de fogo de seus oponentes, o Los Canaleros pretende lutar e estabelecer o mesmo bloqueio defensivo que manteve os belgas à distância em seu primeiro jogo. 

Foto: Julian Finney/Getty Images
Foto: Julian Finney/Getty Images

O forte do Panamá é sua defesa. O problema para o Los Canaleros é que eles não são tão eficazes na frente do gol, tendo marcado apenas duas vezes em seus últimos sete jogos, dois dos quais terminaram em empates e o restante derrota.