Messi destaca classificação dramática contra Nigéria: "Foi um alívio conseguir a vitória"

Camisa 10 marcou pela primeira vez na Copa e o centésimo gol da edição do torneio

Messi destaca classificação dramática contra Nigéria: "Foi um alívio conseguir a vitória"
Messi busca a tão cobiçada taça da Copa depois de ser vice em 2014 (Foto: Divulgação/AFA)

Depois de uma vitória dramática contra Nigéria, que garantiu a vice-liderança do Grupo D, o capitão da Argentina e nome do jogo, Lionel Messi, concedeu uma breve entrevista coletiva aos jornalistas presentes na Arena de São Petersburgo, nesta terça-feira (26).

Messi, que mercou o primeiro gol dos argentinos na primeira etapa, foi perguntado sobre suas impressões da partida, visto que a Argentina teve posturas distintas durante os 90 minutos e sofreu após o empate dos nigerianos na segunda etapa.

"Foi um jogo muito equilibrado, controlamos na primeira etapa, ficamos com a posse de bola, chegamos ao gol e seguimos criando oportunidades. Na segunda etapa pensávamos que seria da mesma forma, mas a Nigéria teve o pênalti e as coisas começaram a ficar tensas, o resultado não nos classificaria, e o relógio passava mais rápido, mas nos encontramos no final do jogo e conseguimos o resultado para avançarmos de fase", pontuou.

O camisa 10 argentino ainda foi questionado sobre a dificuldade psicológica do confronto. Um derrota, decretaria a eliminação da Argentina e Messi foi sincero ao dizer que o gol de Marcos Rojo perto do apito final, foi um alívio não só para ele, mas para o elenco.

"Nós sofremos muito, estávamos em uma situação complicada, mas com certeza foi um alívio conseguir a vitória. Mas foi um jogo difícil para nós, existia muita pressão neste confronto e os outros resultados não nos ajudavam, mas com certeza vencer nos dá moral para o próximo confronto"

Com a França pela frente, nas oitavas de final em confronto que acontece no próximo sábado, Messi mostra que já tem conhecimento sobre o adversário, e destaca a qualidade dos franceses.

"Assistimos muitas seleções nesta Copa, e com certeza, a França foi uma das equipes que pudemos ver. Eles têm jogadores muito rápidos e com o recursos individuais. Sei quem eles são e sei o que teremos de fazer para sair com a vitória", finalizou.