Dalic usa slogan para exaltar seleção da Croácia: "Pequeno país, mas grandes sonhos"
Foto: Divulgação/FIFA

Dalic usa slogan para exaltar seleção da Croácia: "Pequeno país, mas grandes sonhos"

Treinador concorda com prêmio de melhor jogador para Modric e reclama de pênalti marcado por argentino Néstor Pitana

Araujo_Luis
Luis Araujo

A Croácia chegou perto de ser campeã do mundo pela primeira vez. Na entrevista coletiva após perder a final do mundial para a França, o treinador Zlakto Dalic foi muito aplaudido pelos jornalistas croatas presentes no local. 

+ Allez les bleus! França bate Croácia em jogo eletrizante e fatura bicampeonato da Copa do Mundo

O técnico croata reconheceu tristeza com a segunda colocação na Rússia, mas enfatizou que a campanha deve ser motivo de orgulho.

"Todos estávamos tristes. Mas não temos razão para ficar insatisfeitos. Temos que estar orgulhosos e levantar a cabeça. Nosso desempenho ao longo da copa... fica essa tristeza (de não ter levado o título). Falei que não tem o que lamentar, isso é futebol. Fomos honrados em nossas vitórias. Temos que respeitar o resultado do jogo", completou.

Dalic abriu mão de um protocolo e criticou a arbitragem do argentino Néstor Pitana. Sobretudo no pênalti marcado em lance envolvendo Perisic e consulta ao VAR

"Eu tenho que dar parabéns à França pelo título de campeão mundial. Nós jogamos bem, nos primeiros 20 minutos, controlamos o jogo, então veio um gol contra, mas empatamos, voltamos à vida e dominamos até o pênalti. Eu nunca comento arbitragem, mas tenho uma sentença: numa final de Copa do Mundo nunca pode se dar esse tipo de pênalti. Talvez nós tenhamos sido um pouco azarados. Tivemos sorte em toda a Copa, mas hoje não. Tenho que congratular meus jogadores, deram seu melhor neste jogo e nessa Copa do Mundo. Controlamos a partida, mas concedemos chances e a França não cometeu erros", disse o técnico.

Foto: Divulgação/FIFA
Foto: Divulgação/FIFA

O treinador ainda comentou que o quarto gol francês foi um "balde de água fria" para sua equipe e confessou que ficou desanimado com a diferença no placar naquele momento. 

"É um jogo de futebol. Eu não esperava o quarto gol. Desanimei um pouco. Pensei: "Vai ser difícil voltar atrás". É difícil que os jogadores encontrem energia depois disso. Mas tive esperança (com o segundo gol), mas é difícil sempre enfrentar uma equipe como a França. Fizemos um bom jogo, mas sofremos quatro gols", disse Dalic.

OUTRAS RESPOSTAS DE DALIC

Permanência na seleção?
"Estou pronto para ter um pouco de descanso, foram meses muito difíceis, um período difícil. Mas estou muito feliz pelo tempo que tivemos juntos, terminamos vice-campeões. Eu agora vou respirar, nunca tomo decisões nesses momentos, tenho que pensar em tudo, voltar seguro à Croácia e descansar".

Panorama do jogo
"Nós tivemos vários momentos de sorte ao longo da Copa, e não tivemos hoje, os dois primeiros gols. O primeiro foi contra, depois dominamos, controlamos as ações, e o pênalti. Depois concedemos dois gols. E depois do quarto gol era difícil esperar que houvesse confronto. Foi difícil jogar contra a França, marcamos o segundo gol pela persistência do Mandzukic. Era muito difícil reverter essa desvantagem contra um rival de tanta qualidade. Fizemos uma partida muito boa, mas não podemos esperar um bom resultado depois de sofrer quatro gols".

Mensagem aos jogadores
"Claro, estamos tristes, mas eu falei aos jogadores para erguerem a cabeça, temos de estar orgulhosos desses jogadores, desse torneio. Se alguém nos oferecesse ser vice-campeão antes da Copa, acharíamos fantástico, mas é muito triste perder uma final. Algumas vezes no futebol você perde, mas isso é esporte, é futebol. Vitórias não são mais dignas do que derrotas. Essa é minha mensagem aos meus jogadores".

O mundial de Modric
"Bem, somos muito privilegiados por Modric ter vencido o prêmio de melhor da Copa. Merecedamente. Jogou um incrível torneio, comandante para o time, ele é um merecedor vencedor deste prêmio".

Foto: Divulgação/FIFA
Foto: Divulgação/FIFA

Mensagem para o povo croata
"Temos um slogan: pequeno país, mas grandes sonhos; Essa é uma boa mensagem para todos. Se trabalha duro tem bons jogadores, produz resultados, você tem que acreditar que é possível. Particularmente para países pequenos como Croácia ou Georgia, no seu caso. Temos que ter sonhos e ambições, e persegui-las. Você nunca deve parar de acreditar, de tentar, é a vida e temos que aceitar. Croácia jogou uma grande Copa, eu gostaria de agradecer todos os meus jogadores pelo que fizeram. Estou orgulhoso do meu time, dos meus jogadores e do meu país".

VAVEL Logo