Em jogo pouco movimentado, RB Leipzig empata com BK Häcken e se classifica na Europa League
(Divulgação/RB Leipzig)

Em jogo pouco movimentado, RB Leipzig empata com BK Häcken e se classifica na Europa League

Alemães levaram gol já no final do jogo, mas garantiram a vaga devido ao placar agregado

Caio__Vinicius
Caio Vinicius
BK HäckenRasheed; Andersson, R. Lindgren, Hammar, Arkivuo (Godswill, min 81); V. Lundberg, Friberg (Ackermann, min 64) e Gustav Berggren; Çelik, Kamara, Mohammed (Irandust, min. 64).
RB LeipzigMuller; Klostermann, I. Konaté (Bias, min. 84), Orban, M. Saracchi; Diego Demme, Stierlin, Massimo Bruno, Forsberg (Majetschak, min. 63); Augustin, Matheus Cunha (L. Kruger, min. 84).
Placar0-1, min. 47, Massimo Bruno. 1-1, min. 85, Irandust.
ÁRBITROMete Kalvakan (TUR)
INCIDENCIASPartida válida pela segunda eliminatória da Uefa Europa League, disputada na Bravida Arena, em Gotemburgo

Após a goleada no jogo de ida, o RB Leipzig entrou em campo nesta quinta-feira (2) contra o BK Hacken com praticamente um pé na terceira fase da Uefa Europa League. Na Bravida Arena, os Touros empataram por 1 a 1 com os suecos e garantiram a vaga por conta do placar agregado de 5 a 1.

A partida foi de poucas emoções, mas o time germânico teve o amplo domínio desde os primeiros minutos. Massimo Bruno abriu o placar ainda no início do segundo tempo, enquanto Irandust empatou já no fim do jogo.

Eliminados, os suecos voltam a campo já no próximo domingo (5), pela décima sexta rodada do Campeonato Sueco, contra o Orebro, ao 12h30. Já a equipe alemã segue seu caminho no torneio continental e terá o CS Universitatea Craiova, da Romênia, pela frente. O jogo de ida acontece na próxima quinta-feira (9), ás 14h, na Red Bull Arena.

Leipzig comanda ações durante primeira etapa sem grandes chances

Quem deu as caras no primeiro tempo foram os alemães. Apoiado na velocidade de Augustin, o Leipzig criava mais até então. Já aos 10, o atacante francês demonstrou habilidade, limpou dois zagueiros, mas finalizou mal na hora H.

O Häcken encontrava dificuldades para conseguir manter a posse de bola, principalmente pro conta da forte marcação alemã. As brechas eram encontradas na defesa adversária principalmente quando Mohammed partia pro lance individual. Foi o camisa 11 quem criou a primeira oportunidade do time sueco. Após bom passe de Berggren, ele recebeu na área e bateu fraco e Muller defendeu. Alguns minutos depois, foi a vez do iraniano virar garçom e servir Celik, que disparou a direita do gol.

Ambas as equipes tinham certa dificuldade para furar a defesa adversária e apostavam em chutes de média distância. Com o relógio batendo a casa dos 32 minutos, Klostermann arriscou de bem longe, mas Rasheed defendeu. Foi a última chance antes do fim do primeiro tempo.

Saxões abrem o placar, mas Häcken segura pressão e empata no fim

Assim na primeira etapa, o Leipzig seguia com a iniciativa dentro de campo e não demorou muito pra sair o primeiro gol. Massimo Bruno, aos 47 minutos, recebeu de Augustin e chutou da entrada da área, abrindo o placar na Bravida Arena.

Os saxões voltaram com um ritmo mais acelerado para a segunda etapa e não pouparam esforços mesmo com a larga vantagem no placar agregado do jogo. Em alguns momentos da partida, a equipe se encontrava quase toda em cima do campo de defesa sueco.

Após o gol de seu time, o técnico Ralf Rangnick decidiu promover algumas mudanças e optou pela estreia de três garotos: Majetschak, Kruger e Oliver Bias. O trio das categorias de base fez a sua primeira partida pelo clube alemão.

Após um longo tempo sem grandes oportunidades dos dois lados, o time germânico, já no final, decidiu segurar o resultado de 1 a 0. Entretanto, o castigo veio. Andersson partiu em velocidade da esquerda e cruzou em direção a área. Irandust apareceu livre e mandou para dentro do gol, empatando o placar aos 85 minutos.

VAVEL Logo