Com participação do VAR, Bayern vence Hoffenheim na estreia da Bundesliga
(Reprodução/Bayern)

O Bayern de Munique recebeu o Hoffenheim, na Allianz Arena, na tarde dessa sexta-feira (24), pela rodada de estreia da Bundesliga. O embate terminou com vitória dos bávaros pelo placar de 3 a 1.

Sofrendo muitas faltas, Bayern termina o primeiro tempo com hegemonia e sem sustos

O time de Munique iniciou a partida investindo na posse de bola, empurrando o Hoffenheim para o campo de defesa. Aos nove minutos, após trama de passes da equipe da baviera, Ribéry recebeu a bola na entrada da área, rolou para Alaba, que chutou forte no peito do zagueiro Bičakčić. Já aos 11 minutos, com confusão na área dos azuis, Boateng chutou prensado e quase abriu o marcador. 

Com 21 minutos, o excesso de faltas do Hoffenheim começou a aparecer. O zagueiro Nuhu deu entrada perigosa em Coman, e levou o amarelo. Aos 22:30, após escanteio cobrado por Joshua Kimmich, Thomas Muller subiu sozinho no meio de cinco jogadores e, de cabeça, estufou a bola no fundo das redes. Bayern 1 a 0.

Logo após o gol, Leo Bittencourt recebeu amarelo por falta desleal em Javi Martínez, prejudicando o desempenho deste no decorrer da primeira etapa. Aos 33, Joelinton perdeu um gol incrivel, que poderia ter dado o empate aos azuis de Hoffenheim. Com 36 minutos, Coman incendiou a partida. O francês aplicou um belo drible em Vogt, arrumou o corpo para o chute, mas parou nas mãos do goleiro Baumann. Bayern ainda muito dominante na posse de bola.

Com 43 minutos, mais um cartão amarelo para a contagem da partida. Kadeřábek cometeu falta em Ribéry, recebendo a advertência. No minuto final da primeira etapa, Schulz também recebeu um amarelo, após falta muito dura em Coman, que teve de ser substituído para a entrada de Robben. Pelo lado dos azuis, Grifo saiu para a entrada de Zuber.

VAR entra em ação e Bayern amplia o resultado

Logo aos 53, Robben fez sua jogada característica, cortou para o lado esquerdo, e quase encaçapou a bola no ângulo do Baumann. Após esse lance, Lewandowski marcou um gol impedido.

Aos 57 minutos, gol do Hoffenheim. Szalai recebeu bola prensada pela defesa, driblou o Boateng e chutou cruzado, sem chances para o goleiro Neuer.

Com 77 minutos, deu-se inicio à confusão. Nordtveit fez um pênalti em Ribéry, que entrava pela direita. Lewandowski perdeu o penâlti, mas Robben pegou no rebote. Entretanto, com o auxílio do VAR, o juiz alegou posição ilegal do holandês no lance, forçando a repetição da cobrança. Na segunda tentativa, Lewandowski converteu a penalidade, fazendo 2 a 1 para os bávaros.

Aos 85, após chute de fora da área de Goretzka, a bola desviou em Muller e entrou no gol. Juiz conferiu novamente e anulou o tento. No apagar das luzes, aos 90 minutos, Kimmich cobrou lateral para Muller, que escorou pra Robben estufar a bola nas redes e fechar o caixão dos azuis.

O Bayern volta aos gramados no sábado (1), às 13h30, quando visita o Stuttgart na Mercedes-Benz Arena. Já o Hoffenheim joga em casa na mesma data, às 10h30, contra o Freiburg. Ambos os duelos são válidos pela segunda rodada da Bundesliga.

VAVEL Logo