Sean Dyche defende atuação do Burnley após eliminação na UEL: "Estou muito orgulhoso”

Clarets empataram, em 1 a 1, com o Olympiacos e perderam a classificação devido ao placar agregado

Sean Dyche defende atuação do Burnley após eliminação na UEL: "Estou muito orgulhoso”
Para Dyche, o elenco dos Clarets recuperou a sua identidade (Divulgação / Burnley)

A caminhada do Burnley rumo a fase de grupos da UEFA Europa League se encerrou na tarde dessa quinta-feira (30). Os Clarets empataram, em 1 a 1, contra o Olympiacos, da Grécia, no Turf Moor. Como  a equipe inglesa perdeu a partida de ida, no estádio Karaiskakis, acabou sendo eliminada da competição pelo placar agregado, que terminou 4 a 2.

Mesmo derrotado, o técnico Sean Dyche elogiou a postura dos atletas, afirmando que elenco foi eficaz e  conseguiu retomar o seu estilo de jogo: "Foi uma apresentação excelente, nós criamos várias chances. Eu queria que o nosso time recuperasse a sua identidade e eu sinto que isso realmente aconteceu hoje. Sem decepções, apenas aprendendo. Nós fomos efetivos. Estou muito orgulhoso dos meus jogadores", disse.

+ Confira ofertas de nosso parceiro FutFanatics

O treinador também destacou o desempenho do jovem meia-atacante Dwight McNeil, de 18 anos. Dyche ficou encantado, principalmente, com a forma madura como ele se apresentou.

"Eu disse a ele para trabalhar duro e se divertir, e ele fez exatamente isso. Ele foi ótimo contro o Aberdeen e novamente hoje. Ele está ali por mérito e deu um grande passo", finalizou.

O próximo compromisso do Burnley será novamente em casa, dessa vez contra o Manchester United, no próximo domingo (02), pela quarta rodada da Premier League.