Lazio sofre no segundo tempo, mas vence Apollon na estreia da Europa League
Lazio sofre no segundo tempo, mas vence na estréia da Europa League. (Foto: Divulgação/SSLazio)

Lazio sofre no segundo tempo, mas vence Apollon na estreia da Europa League

Saindo na frente no começo da partida, o time de Inzaghi se viu em apuros quando os visitantes apertaram. No fim da partida, teve susto, mas nada que tirasse os três pontos italianos

mathias-galdi
Mathias Galdi

Durante o primeiro tempo, tudo dentre o planejado. Nos primeiros minutos, a Lazio já ia pra cima, apertando o time do Chipre. Na primeira investida defensiva, a equipe já conquistou um escanteio, com poucos segundos de jogo, apresentando o cartão de visitas para o visitante.

Confira as ofertas do nosso parceiro FutFanatics  

Os primeiros minutos, se uma equipe adotar a estratégia da pressão, são importantíssimos, pois uma hora o folêgo acaba, deixando campo para o adversário. Por competência, o time de Roma conseguiu abrir o placar. Mesmo apertando seu rival, o gol da Lazio saiu de um contra-ataque, finalizadoa pelo espanhol Luís Alberto, após belíssimo passe de Caicedo.

Luís Alberto comemora abertura do placar. (Foto: SSLazioBrasil on Twitter)
Luís Alberto comemora abertura do placar. (Foto: SSLazioBrasil on Twitter)

Atrás do placar, o Apollon aproveitou que os mandantes tiraram um pouco o pé, dando terreno para aos visitantes. Mesmo sem focar 100% em pressionar, os romanos dominaram o primeiro tempo, tendo três chances claras de gol.

Por outro lado, os cipriotas não tiveram nenhuma na primeira etapa, pois ficaram boa parte do jogo se defendendo. Chutaram cinco bolas, uma no gol, uma fora e três bloqueadas, parando no muro azul da Lazio.

A etapa final começou diferente. Um visitante hostil parecia ter voltado do vestiário para os últimos 45 minutos de jogo. Até os 60 minutos, a Lazio não havia dado um único chute á gol, enquanto os descendentes de Limassol chegaram a atingir 60% de posse de bola, pressionando o time mandante.

Em certo momento, os visitantes encurralaram o time de Inzaghi, em busca de seu gol para empatar a partida, obrigando o italiano a tirar seu principal jogador, Milinkovic Sávic, quem também já tinha amarelo.

Chegando no final da partida, o Apollon apresentou-se cansado para os último dez minutos de partida. Na única boa investida da Lazio no segundo tempo, Caicedo sofreu pênalti, após carrinho da defesa cipriota. Ciro Immobile não perdoôu e ampliou o placar aos italianos.

Dois minutos depois, no desespero dos visitantes, uma bola sobrou para Emilio Zelaya encher o pé para dentro das redes de Proto, mas já era tarde para buscar uma reação. 

Um jogo que parecia tranquilo terminou com o Apollon superior, pelo menos nas estatísticas, onde teve mais chutes a gol, porém, com pouco perigo.

Agora, a Lazio é líder do Grupo H, ao lado do Eintracht Frankfurt, ambos com três pontos e um gol de saldo. Nas ligas domésticas, a Lazio recebe o Genoa no Olímpico de Roma, enquanto o Apollon enfrenta o NEA Salamina, no domingo.

VAVEL Logo