Joelinton marca, Diallo é expulso, mas Borussia Dortmund arranca empate no fim contra Hoffenheim
(Divulgação/Hoffenheim)

Joelinton marca, Diallo é expulso, mas Borussia Dortmund arranca empate no fim contra Hoffenheim

Em jogo dramático e com lances do VAR, auri-negros empataram com Hoffe mesmo após lance de cartão vermelho

Caio__Vinicius
Caio Vinicius
HoffenheimBaumann; Bicakcic, Vogt, Posch; Brenet, Grillitsch Leonardo Bittencourt, Schulz, Zuber (Nordtveit, min. 70); Kramaric (Szalai, min. 78), Joelinton (Belfodil, min. 89).
Borussia DortmundBürki; Piszczek, Akanji, A. Diallo, Schmelzer; Witsel, Dahoud (60’ Delaney), Pulisic, Kagawa (69’ Philipp), Wolf (60’ Sancho); Reus.
Placar1-0, min. 43, Joelinton. 1-1, min. 84, Pulisic.
ÁRBITROHarms Orsmers.
INCIDENCIASJogo válido pela quarta rodada da Bundesliga.

Nesta sábado (22), o Hoffenheim recebeu o Borussia Dortmund na Rhein-Neckar Arena pela quarta rodada da Bundesliga. Os donos da casa jogaram bem, foram superiores durante boa parte do tempo, mas cederam o empate em jogo que terminou 1 a 1.

Com o resultado, as abelhas pulam pra terceira posição, com 8 pontos em quatro partidas. Já os Kraichuger permanecem na décima primeira colocação, com 4 pontos.

Os dois times voltam a campo nesta semana, ainda pelo Campeonato Alemão. Na terça (25), o Hoffenheim visita o Hannover na HDI Arena, ás 15h30 (de Brasília). Já o Borussia Dortmund tem um desafio contra o Nuremberg na quarta-feira (26), no Signal Iduna Park, no mesmo horário.

+ Confira ofertas de nosso parceiro FutFanatics

Os donos da casa tiveram boa parte do controle do primeiro tempo e encurralaram o BVB. Com velocidade e amplitude, o time treinado por Julian Nagelsmann era perigoso a todo instante, dificultando a vida dos auri-negros, principalmente Burki.

Com 17 minutos de bola rolando, o goleiro suíço evitou o que seria o primeiro gol do jogo. Nico Schulz fez o corredor na esquerda e cruzou rasteiro para a área, encontrando Leonardo Bittencourt, mas o meia chutou em cima do arqueiro e perdeu boa chance de abrir o placar.

Aos 36, mais uma boa jogada de Schulz, que tocou para Joellinton e viu o brasileiro infiltrar na área adversária. O camisa 29 tocou rasteiro, Burki desviou e ela passou por dois jogadores do Hoffenheim e saiu pela lateral.

Aos 43, levantamento de Brenet, a zaga do BVB afasta e ela sobra para Joelinton na entrada da área. O atacante finaliza rasteiro, no canto, e abre o placar em Sinsheim. 1 a 0 para os mandantes, que cresceram ao longo da partida e mereciam o gol.

Para quem esperava que as abelhas voltassem mais dispostas para a etapa complementar, a decepção foi enorme. O Hoffenheim seguiu em cima e marcou o segundo aos 50. Leonardo Bittencourt foi cobrar o escanteio, bateu curto para Zuber, que devolveu para o brasileiro. Ele levantou na área e Bikackic subiu mais que a defesa para cabecear no fundo das redes. Porém, no início da jogada, Zuber estava impedido e o árbitro, com auxílio do VAR, anulou o lance.

Quatro minutos depois, mais um gol anulado do Hoffe. Joelinton bateu de fora da área, mandou na trave e ela sobrou no rebote para o croata Kramaric, que desviou para o fundo das redes. O camisa 27 estava em posição irregular na hora do chute.

Pulisic fez ótima jogada pela direita, passou por quase toda e cruzou bonito. O japonês Kagawa chegou batendo e a bola saiu tirando tinta da trave esquerda de Baumann. Aos 56, foi a vez de Reus finalizar de fora da área e mandar por cima do gol.

O drama dos auri-negros foi aumentando nos minutos finais e outro lance polêmico ajudou ainda mais os donos da casa. Com 74 minutos no relógio, Vogt lançou do campo de defesa para Kramaric, marcado por Diallo. O defensor francês segurou o atacante, que foi seguindo a jogada até ser desarmado. O juiz marcou a infração e expulsou Abdou por ser o último homem.

Mas o que parecia ser o fim da esperança de um empate, se tornou uma explosão de alegria dos auri-negros pouco tempo depois. Aos 84, Reus fez jogada espetacular pelo lado esquerdo, invadiu a defesa dos mandantes e tocou rasteiro para o meio. Pulisic apareceu e escorou para o gol. Empate do Dortmund para a alegria dos fãs presentes no estádio.

Ainda no fim, já nos acréscimos, o Hoffenheim perdeu a chance de estragar a festa do adversário. Schulz recebeu na área, deu um bonito toque por cima e encontrou Befoldil praticamente em cima do gol. No entanto, o argelino chutou por cima e desperdiçou a melhor oportunidade de desempatar.

VAVEL Logo

    Alemanha Notícias

    há 4 dias
    há 9 dias
    há 10 dias
    há 10 dias
    há 11 dias
    há 11 dias
    há 11 dias
    há 11 dias
    há 11 dias
    há 12 dias
    há 12 dias