Sevilla derrota Celta e assume liderança do Campeonato Espanhol
Reprodução/Sevilla

Sevilla derrota Celta e assume liderança do Campeonato Espanhol

Vitória de 2 a 1 com gols de Pablo Sarabia e Ben Yedder deixou os blanquirrojos na liderança parcial da La Liga

wesley-silva
Wesley Silvali

Neste domingo o Sevilla recebeu e venceu o Celta de Vigo dentro do Ramón Sánchez Pizjuán, em jogo válido pela oitava rodada do Campeonato Espanhol. A partida terminou 2 a 1, com gols de Pablo Sarabia e Ben Yedder para os donos da casa, e do marroquino Boufal para os visitantes.

Com a vitória, o Sevilla assumiu a liderança provisória da La Liga. Dependendo agora do resultado entre Barcelona e Valência para se manter na honrosa posição. Em caso de vitória do Barça, o time da Andaluzia terminará a rodada em segundo. Opostamente, o Celta perdeu uma posição: saiu de nono para décimo lugar. E curiosamente também depende do que acontecerá entre Barcelona e Valência para se manter onde está. Caso o Valência vença, o time de Vigo cairá para 11º.

Resumão

Apesar de um time está na disputa pela liderança e o outro por um lugar humilde no meio da tabela, o duelo foi bastante equilibrado. O Sevilla, que saiu como vencedor, finalizou inclusive menos vezes que o Celta. E também acertou o alvo (ou seja, chutes que foram em direção ao gol) em número menor: três contra cinco dos visitantes. 

Mas a pouca efetividade frequente em fazer o goleiro Sérgio Álvarez trabalhar foi compensada com eficácia. Das três finalizações no alvo, duas morreram nas redes do goleiro do Celta. Este que por sua vez parou por um bom dia do goleiro tcheco Tomás Vaclík.

O primeiro gol aconteceria quando o jogo  estava em banho maria e caminhando para o intervalo com um morno 0 a 0. Sem as duas equipes apresentarem muita presença perigosa nos campos de defesas contrárias. Aos 39, Nolito saiu costurando pela esquerda, cruzou na área e a bola passou por todos. Teria o caminho da lateral da outra intermediária, até o veloz Jesús Navas correr e evitar a saída. Não bastasse, o meia ex-Seleção espanhola e Manchester City levantou a cabeça e deu cruzamento preciso na cabeça de Pablo Sarabia, que emendeu com perfeição para o gol.

Já no segundo tempo, a vida do Sevilla parecia que ia ser totalmente facilitada depois do zagueiro mexicano Néstor Araújo levar o segundo amarelo e ser expulso aos 58. Com efeito imediato, o Sevilla faria o gol da vitória três minutos depois. Autor do primeiro tento, Sarabia dessa vez foi assistente: tocando para Ben Yedder concluir embaixo da barra já sem goleiro. 2 a 0 no placar e com um jogador a mais, talvez os torcedores até imaginassem uma goleada naquele momento. Mas a partida continuou equilibrada, com um valente Celta ainda a povoar o ataque.

Recompensado por essa dita valentia, os celestes fizeram o de honra através do marroquino Boufal, a cinco minutos do fim do duelo. O talentoso atacante africano saiu costurando do meio campo até a entrada da área. Coroaria o lance não só com o gol, mas também com uma bela finalização. Sem muita força, mas muito efeito. Empolgado, o Celta foi para cima parecendo que nem tinha um a menos no campo. Contudo, o Sevilla conseguiria se manter seguro na defesa e evitar levar o empate que antes havia parecido bem mais improvável.

Apito final e vitória muito comemorada. Tanto pela dificuldade, quanto pela conquista da liderança provisória que firma o ótimo início de temporada do clube.

 

VAVEL Logo

Liga Espanhola Notícias

há 2 dias
há 3 dias
há 5 dias
há 5 dias
há 5 dias
há 6 dias
há 7 dias
há 9 dias
há 10 dias
há 10 dias
há 10 dias