Roberto Martinez vibra com vitória da Bélgica e evita falar sobre saída de Henry
Divulgação de foto: FIFA

Roberto Martinez vibra com vitória da Bélgica e evita falar sobre saída de Henry

Técnico espanhol se mostrou satisfeito com a vitória de seus comandados por 2 a 1 contra a Suíça e minimizou falar sobre a saída de Henry para treinar o Mônaco

wesley-silva
Wesley Silvali

Em amistoso na tarde desta sexta-feira, a Bélgica venceu a Suíça por 2 a 1, com dois gols de Lukaku. No pós-jogo tradicional á imprensa belga, o treinador Roberto Martinez se mostrou satisfeito com a atuação, apesar de ter confessado que o time pode fazer mais e melhor do que fez contra os suíços. 

O gol da vitória só saiu a seis minutos do tempo regulamentar, mostrando de forma clara o equilíbrio do duelo, apesar do favoritismo da atual terceira melhor seleção do mundo, posto alcançado na Copa da Rússia. Para Martinez, as dificuldades já eram esperadas e até por isso os jogadores devem ser elogiados por terem conseguido vencer o jogo.

"Já esperávamos esse jogo duro contra a Suíça, que é uma equipe que sai para jogar e atacar bastante. Até deixamos alguns espaços para eles aproveitarem, mas o time jogou com a mentalidade certa, então estou satisfeito. O importante é encontrar soluções para vencer e conseguimos fazer isso", comemorou.

Saída de Henry

Especulado e dado como certo pela imprensa internacional como novo treinador do Mônaco, o assunto da saída Henry esteve presente na conferência pós-jogo do treinador. Dada a importância e todo prestígio do ex-atacante francês, o que aconteceu no jogo foi deixado de lado na abordagem dos jornalistas por um momento, na tentativa de tirar alguma palavra de Martinez sobre o futuro de seu assistente. Roberto Martinez, entretanto, não deu muitos detalhes e contemporizou.

"Não tenho informações sobre o Thierry Henry, se é isso que querem saber. Estava focado apenas no jogo. Claro, um dia ele nos deixará para ser treinador. Mas isso pode ser daqui a 6 meses ou um e até dois anos", encerrou.

VAVEL Logo