Chelsea passa sufoco no final, mas bate Brighton na Premier League
(foto: reprodução//twitter)

Chelsea passa sufoco no final, mas bate Brighton na Premier League

A equipe treinada por Sarri teve uma partida tranquila, mas após sofrer o empate, viu o risco de perder os três pontos na reta final

samueljmsoares
Samuel Soares
brighton & hove albionRyan; Montoya, Dunk, Balogun, Bernardo; Stephens, Gross, Propper; Knockaert, Murray, March.
chelsea-fcKepa; Azpilicueta, Rüdiger, David Luiz, Alonso; Kanté, Jorginho, Kovacic; Pedro, Hazard, Willian.
Placar0-1, 17, Pedro. 0-2, 33, Hazard. 1 - 2, March,66

Neste sábado, o Chelsea foi até o litoral da Inglaterra enfrentar a equipe do Brighton, no Amex Stadium. Os Blues venceram a partida pelo placar de 2 x 1, com gols de Pedro e Hazard. O belga mais uma vez foi o destaque do jogo. Apesar da facilidade na primeira etapa, o Chelsea se complicou nos 45 minutos finais e quase sofreu o empate.

Primeiro Tempo

A postura defensiva da equipe da casa já era esperada. O Chelsea começou a partida com uma posse de bola dominante, circulando a bola pelas laterais, mas as linhas sólidas do Brighton não facilitavam a vida do time de Sarri. Os mandantes tentavam ter posse de bola para equilibrar a partida, mas a pressão exercida pelos Blues de Londres rapidamente ocasionava na retomada da posse, principalmente com Kante. Entretanto, a primeira chegada com algum perigo do jogo foi do Brighton, aos 12 minutos. Após lançamento longo, que quebrou a marcação em linha do Chelsea, os Seagulls finalizaram mas sem sucesso. O chute foi travado. Quatro minutos depois, foram os visitantes que chegaram com perigo, só que dessa vez conseguiram inaugurar o marcador. Após grande jogada individual de Hazard, Pedro apenas empurrou para o fundo das redes.

O time londrino tentava explorar bastante as bolas longas, principalmente buscando o brasileiro Willian, em velocidade pela esquerda. O belga Hazard também dava muito trabalho aos marcadores. Já os mandantes conseguiram trabalhar um pouco melhor quando tinha a bola, mas deixava a desejar no último terço do campo. Uma das boas chances veio por volta dos 30 minutos, com uma finalização de fora da área que deu trabalho ao goleiro Kepa.

Hazard ampliou o placar aos 33 da primeira etapa. O Brighton tinha a posse de bola, mas acabou errando um passe com todo o seu time no ataque. O belga recebeu o passe em profundidade, carregou e marcou para fazer 2 x 0.  A partir daí, o contra-ataque estava cada vez mais à disposição da equipe de Sarri e as chances apareciam cada vez mais. Rudiger quase marcou de cabeça após escanteio. Nada mais aconteceu até o apito que encerrou os primeiros 45 minutos no Amex Stadium.

Segundo Tempo

A primeira grande chance da etapa final foi do Chelsea, que quase ampliou o marcador logo aos 48 minutos. O Brighton seguia errando diversos passes na saída de jogo e sem capacidade de mudar a perspectiva do jogo. O atacante Murray, principal esperança de gols do time, não conseguia participar bem da partida. E foi exatamente a primeira alteração feita. O jogador saiu para a entrada de Andone. Knockaert era o principal atleta em campo, carregava a bola em busca de alternativas para tirar o seu time da situação complicada de ser dominado pelo Chelsea. Os Blues não paravam de tentar ampliar o placar, Marcos Alonso quase marcou um golaço após acertar a trave.

Os Seagulls tinham dificuldade, mas em uma das chegadas pela direita, os mandantes fizeram seu primeiro gol, com March. Apesar do placar mais apertado, a partida ficou mais fria dos dois lados. Ambos os times pareciam não ter mais tanto fôlego para manter o forte ritmo que foi imposto nos primeiros 45 minutos. O desespero de Sarri à beira do campo era compreensível, um jogo que foi relativamente tranquilo ia para os minutos finais com um teor dramático para os londrinos. O Chelsea mantinha a posse de bola para não correr riscos atrás. Mesmo assim sofreu alguns sustos durante os 4 minutos que foram acrescentados ao final dos 90. Entretanto, o clube da casa não foi capaz de buscar o empate.

Na próxima rodada, o Chelsea recebe o Leicester, e o Brighton enfrenta a equipe do Bournemouth.

VAVEL Logo