Liverpool vence Wolverhampton e mantém folga no topo da Premier League
Salah deixou o dele no confronto (Reprodução /Liverpool)

Liverpool vence Wolverhampton e mantém folga no topo da Premier League

Reds venceram Wolves, por 2 a 0, na tarde dessa sexta-feira (21)

sandroquintanilha
Sandro Quintanilha
wolverhampton-wanderersRui Patrício; Doherty; Coady; Bennett; Boly; Castro (Vinagre); João Moutinho (Gibbs-White); Saïss; Neves; Jiménez; Traoré (Cavaleiro)
liverpool-fcAlisson; Clyne; Lovren; Van Dijk; Robertson; Milner; Henderson; Fabinho; Keita (Lallana); Salah; Mané (Clyne); Firmino (Wijnaldum);
Placar0-1., min. 18, Salah. 0-2, min. 68, Van Dijk.
INCIDENCIASPartida válida pela 17ª rodada da Premier League, disputada no Molineux Stadium, às 18h.

Nem o embalado Wolverhampton conseguiu parar o líder Liverpool, que garantiu mais uma vitória tranquila, por 2 a 0, na tarde dessa sexta-feira (21), no Molineux Stadium. A partida, válida pela 17ª rodada da Premier League, contou com os gols de Mohamed Salah e do zagueiro Van Dijk.

A primeira ameaça veio dos mandantes, nos primeiro cinco minutos. Adama roubou a bola de Fabinho, conseguiu avançar e finalizou forte. O lance passou perto, mas passou ao lado da meta do goleiro Alisson.

Após o susto, os Reds passaram a jogar confortavelmente, mesmo estando fora de casa. Depois de muito tempo pressionando, Salah abriu o placar para os visitantes, aos 17. A jogada começou com uma boa proteção de Fabinho, que venceu o marcador e cruzou para o egípcio pegar de primeira para balançar as redes. 

Com a vantagem, os Liverbirds diminuíram o ritmo, mas continuaram com pleno domínio do confronto. A equipe comandada por Jurgen Klopp passou grande parte da primeira etapa com mais de 70% da posse de bola. 

No finzinho, os Wolves tentaram e quase conseguiram o empate. Aos 43, Doherty recebeu bom lançamento pela direta, conseguiu passar pela zaga e chutou colocado. Alisson, bem posicionado, segurou firme, sem dar rebote.

Salah comemora o primeiro gol da partida (Reprodução / Liverpool)
Salah comemora o primeiro gol da partida (Reprodução / Liverpool)
​​​​​​

A estratégia do líder do campeonato para o segundo tempo foi recuar e encontrar os espaços dados pela defesa adversária. Milner tentou aos nove, um chute em que a bola passou por cima do gol.

Foi com 23 minutos que Van Dijk marcou o segundo do jogo e deu ainda mais tranquilidade para os visitantes. Salah fez o cruzamento e o zagueiro penetrou na pequena área e escorou de cabeça, sem chances de defesa. 

Desesperado, o time da casa não conseguia sair da zona de defesa, já que faltava criatividade para superar a forte marcação adversária. A única tentativa de resposta aconteceu tarde demais, aos 43.  Gibbs ficou de frente para Alisson, mas não foi preciso e mandou para fora.

O resultado freia a boa sequência dos Wolves, que continuam na sétima posição, com 25 pontos, mas podendo ser ultrapassado ainda nessa rodada. Já os Reds ficam ainda mais confortáveis na liderança do campeonato, chegando aos 48 pontos. 

As duas equipes voltam a campo na próxima quarta-feira (26), no tradicional Boxing Day. Às 10h30 (Horário de Brasília), o Wolverhampton visita o Fulham, no estádio Craven Cottage. Um pouco mais tarde, às 13h30, o Liverpool recebe o Newcastle, em Anfield

 

 

 

VAVEL Logo