Unai Emery louva vitória do Arsenal pela FA Cup: "Estou muito orgulhoso"
Foto:Divulgação/Arsena

Unai Emery louva vitória do Arsenal pela FA Cup: "Estou muito orgulhoso"

O treinador espanhol escalou 4 jogadores da base do clube na partida contra o Blackpool

gabriel_oandrea
Gabriel Andrea

A vitória por 3 a 0 sobre o Blackpool e o avanço direto para a quarta fase da Copa da Inglaterra deixaram o treinador do Arsenal, Unai Emery, claramente contente com a apresentação do time na partida.

Vale lembrar que, momentos antes do jogo, o time do Blackpool teve problema com um torcedor que protestou contra o momento da equipe e não permitiu que o time chegasse com antecedência ao Bloomfield Road, sentando-se em cima do ônibus da equipe, o que felizmente não impediu o time de chegar na hora da partida.

Perguntado se o protesto do torcedor interferiu dentro de campo, Unai comentou que o ocorrido não atrapalhou a preparação da equipe.

“Nenhuma mudança para nós. Sabemos de alguns problemas aqui entre os fãs e o clube. Temos respeito e nos preparamos para a partida com respeito pela competição. Eu acho que por 90 minutos nós vimos um grande jogo para nós e para eles” , frisou. 

Bem feliz com o desempenho de sua equipe na partida, o manager espanhol não poupou elogios aqueles que contribuíram para a boa vitória fora de casa e o avanço do time londrino na competição.

“Estou muito orgulhoso dos jogadores hoje e de todo o trabalho. Cada jogador jogou com grande compromisso, boa concentração. Nós impusemos nosso posicionamento e às vezes nossa qualidade. Estou muito feliz" , afirmou.

Os garotos da linha de frente do Arsenal fizeram total diferença para o resultado positivo dos Gunners. Para Unai Emery, jogadores como Willock e Nketiah apenas ganham disputando grandes partidas.

“Precisamos que todos os jogadores tenham comprometimento e, assim, quando a equipe precisar, eles poderão nos ajudar. Oportunidades vêm em alguns jogos como hoje... jovens jogadores como Willock e Nketiah. Eles podem nos mostrar seu progresso. Estou muito feliz com o Willock, mas também com o Eddie. Ele teve três boas chances, mas o mais importante ele criou as chances. A mescla da experiência com a juventude funcionou e todos saíram ganhando” , expressou. 

Abordado sobre a lesão do lateral-esquerdo Koscielny, que saiu mancando após o apito final, o treinador mencionou que a equipe possui uma semana de treinamento e torce pela recuperação do atleta.


“Espero que não seja muito grave. Temos uma semana antes do próximo jogo. Espero que ele esteja bem. Antes do jogo, ele sentiu um pouco de dor nas costas e decidimos que ele não deveria jogar” , finalizou.

VAVEL Logo