Suárez brilha, Barcelona vence Real Madrid e avança para final da Copa do Rei
Foto: Reprodução/Barcelona

Suárez brilha, Barcelona vence Real Madrid e avança para final da Copa do Rei

Real peca demais nas finalizações na primeira etapa e é atropelado por um Barcelona impiedoso na etapa final

italo-bruno
Ítalo Bruno
Nesta quarta-feira (27), Real Madrid e Barcelona se enfrentaram no Santiago Bernabéu, pelo jogo de volta  das semifinais da Copa do Rei. E embora tenha tido as melhores chances do primeiro tempo, o Madrid viu o time Culé letal na segunda etapa fazer 3 a 0 e se classificar para mais uma final da competição.
 
O primeiro tempo começou bastante faltosa e com duas equipes compactadas, a dificuldade de ambas para se chegar ao gol adversário era nítida. O Real adiantava sua marcação e dificultava a saída de bola do Barça, que não conseguia colocar Messi e Suárez no jogo.
 
A primeira grande chance só ocorreu aos 18 minutos, quando em jogada pela esquerda Reguilon encontrou Benzema, o camisa 9 encontrou Vinícius Jr, mas a joia brasileira bateu por cima do gol. Aos 22 nova jogada envolvendo Vinícius, mas a zaga do Barcelona conseguiu recuperar-se e se livrou do perigo.
 
O Barcelona não se encontrava em campo, e embora tivesse mais a bola, não conseguia controlar o jogo. Jordi Alba e Semedo eram peças nulas diante  da marcação de Lucas Vázquez e Reguilon, que faziam partida taticamente perfeita. 
 
Aos 36', Piqué errou na saída de bola catalã, Casemiro recuperou a bola e lançou Vinícius Jr em velocidade, o brasileiro finalizou em cima da marcação, pegou o rebote e rolou para Benzema, o francês fuzilou, mas parou em grande defesa de Ter Stegen. Um minuto depois Vinícius voltou a participar de grande trama ofensiva dos donos da casa. Dessa vez recebendo da esquerda, mas novamente finalizando por cima da meta dos catalães.
 
Veio o segundo tempo, e com ele a necessidade do Barcelona de abrir o placar, já que o gol fora de casa classificava o time de Madrid. E o objetivo foi alcançado logo aos 5 minutos. Dembelé fez bela jogada pela esquerda e cruzou para Suárez, o uruguaio chegou batendo e colocou o Barcelona na frente, 1 a 0. 
 
Kroos e Casemiro responderam de imediato. O primeiro em chute fora da área, e o segundo em cabeçada, mas ambas as tentativas não obtiveram êxito.
 
Aos 17', Vinínius Jr fez grande jogada e colocou a bola na cabeça de Reguilon, mas Ter Stegen fez salvou e manteve os culés em vantagem. O Real se lançava cada vez mais em busca do empate, e quatro minutos depois do lance anterior, Vinícius Jr fez um carnaval na defesa catalã, mas o chute saiu desviado e por pouco não parou no fundo da rede. 
 
Aos 23 minutos o Barcelona foi cruel. Em excelente contra-ataque, Dembelé, dessa vez pelo lado direito, cruzou rasteiro. Varane se antecipou a Suárez, mas jogou contra o próprio patrimônio, 2 a 0.  Aos 26', Casemiro cometeu pênalti, Suárez se encarregou da cobrança. E com frieza absurda bateu Navas com uma cavadinha e ampliou o placar que já era favorável demais para o time de Valverde; 3 a 0.
 
À partir dali não havia muito o que fazer. Os donos da casa haviam sentido o golpe e viam seus torcedores indo embora antes mesmo do apito final, já a equipe do Barcelona esperava o término da partidapara comemorar a vaga na decisão.
 
As duas equipes voltam à campo no próximo sábado (2), às 16h45 (de Brasília). Dovamente no Santiago Bernabéu, dessa vez pela La Liga.
VAVEL Logo