Mesmo após derrota para Colômbia, Félix Sánchez exalta: "Nosso time competiu bem"
Foto: Leonardo José / VAVEL Brasil

Após perder para a Colômbia por 1 a 0, no Morumbi, o treinador espanhol do Catar cedeu coletiva de imprensa para falar sobre o desempenho de sua seleção, derrotada com gol apenas aos 41 minutos do segundo tempo. Contente com a entrega de seus jogadores, Félix Sánchez abriu sua fala exaltando a vontade dos cataris.

"Gostaria de parabenizar nossos jogadores pelo jogo que foi feito, foi um excelente jogo. A Colômbia teve mais posse de bola, nós pensamos sobre o jogo que não poderíamos nos sentir confortáveis com a bola. Em poucos momentos tivemos a bola. Infelizmente para nós, no final do jogo conseguiram encaixar o gol. Sabíamos que estavam próximos, não pode acontecer, mas vamos nos preparar no próximo duelo para isso. Não tomar gol no final."

Quando perguntado sobre o esquema tático usado para encarar os colombianos, o treinador contou que optou pelos três zagueiros para tentar barra o jogo aéreo adversário.

"Eles são muito fortes no jogo aéreo, isso nos dá mais força com três zagueiros e os laterais. Ter uma defesa de três permite ser mais forte. Precisávamos de algo que nos ajudasse na saída de bola para sairmos com mais fluidez. Mas, às vezes não acontece isso quando se joga com profissionais tão acima da média. É difícil... com o resultado posso dizer que não funcionou."

Mesmo com a derrota, o comandante espanhol gostou do nível de competitividade de sua seleção catari.

"Acredito que nosso time competiu bem em todos os momentos. Defendemos bem, mas eles conseguiram marcar um gol, mas com um time com essa qualidade é muito difícil segura-los. Essa foi a decisão de jogarmos pode se pensar se foi bem ou não, mas essa foi a forma, faltou ter mais a posse da bola e tivemos muito tempo no nosso campo."

Em seguida, o Félix falou a respeito do papel do Catar nesta Copa América.

"Nosso objetivo é ver até que ponto podemos competir com grandes adversários. E o resultado dá a sensação que, com mais trabalho, podemos competir. Estamos nos preparando para a copa do mundo."

Sobre a Argentina: "Vamos tentar minimizar o dano"

No fechamento da coletiva, o técnico do Catar respondeu à pergunta de "como parar Messi" explanando para o coletivo da seleção argentina.

"Fomos penalizados muito com cartões nos dois jogos. Temos que ver jogadores disponíveis, além disso, vamos montar os titulares, pois sabemos que o adversário tem grandes jogadores e o melhor do mundo. Vamos tentar minimizar o dano que pode nos causar no jogo. São jogadores que individualmente podem decidir uma partida. Também não temos muito tempo, em três dias jogamos novamente. Vamos tentar fazer a escalação da melhor forma possível".

Vale lembrar que o Catar encara a Argentina, pela última rodada do Grupo B, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre, às 16h do próximo domingo (23).

VAVEL Logo