Em goleada protocolar, Bélgica atropela San Marino e garante vaga na Euro 2020
Foto: Divulgação/Belgian Red Devils

Já era mais que esperado, mas sempre é bom ressaltar que a Bélgica permanece em alta com as redes. Diante da torcida, com um grupo muito qualificado em um confronto diante do fragilíssimo time de San Marino, a goleada era certa. E foi um atropelo sonoro. Em jogo disputado nesta quinta-feira (10), no Estádio Rei Balduíno, em Bruxelas/BEL, a seleção que conquistou o terceiro lugar no Mundial 2018 venceu por 9 a 0, com gols marcados por Lukaku (duas vezes), Chadli, Brolli (contra), Alderweireld, Tielemans, Benteke, Verschaeren e Castagne. O confronto entre belgas e samarineses foi válido pela sétima rodada das Eliminatórias para a disputa da Eurocopa 2020.

Diante de uma equipe que beira o amadorismo, a Bélgica não iria ter trabalho para construir o resultado positivo. Desde os primeiros minutos, eram poucos passes para chegar à meta adversária. Demorou para sair o primeiro gol, mas, quando saiu, a porteira foi aberta. Aos 28 minutos, Lukaku recebeu dentro da área e finalizou bem para marcar o 50º gol com a camisa da seleção, um recorde para o país. Três minutos depois, Chadli foi acionado na entrada da área e bateu de primeira para ampliar o marcador. A situação já era complicada e os jogadores de San Marino dificultavam ainda mais para seu escrete. Cristian Brolli, aos 35 minutos, desviou contra o próprio gol e aumentou a diferença.

Nos minutos finais, os belgas desandaram a marcar. Aos 41, Lukaku abriu espaço na área e chutou rasteiro. Dois minutos depois, Alderweireld recebeu de Castagne e encheu o pé. A bola desviou e entrou. Nos acréscimos, ainda teve tempo para Tielemans foi acionado por Eden Hazard e emendou forte chute de primeira para garantir sem reservas a vitória e a classificação.

Atacante Lukaku chegou aos 51 gols marcados em 83 jogos com a camisa da Bélgica | Foto: Divulgação/Belgian Red Devils
Atacante Lukaku chegou aos 51 gols marcados em 83 jogos com a camisa da Bélgica | Foto: Divulgação/Belgian Red Devils

Com o 6 a 0 no placar, os anfitriões controlaram o ritmo do jogo para evitar máximo desgaste, haja vista a próxima rodada diante do Cazaquistão, onde a viagem será longa e o jogo complicado. Eram sucessivas finalizações belgas, um massacre. As redes balançaram nos últimos minutos. Aos 34, Ferreira Carrasco rolou para Benteke chutar e aumentar a goleada. Aos 39, Brolli puxou a camisa do adversário dentro da área e a arbitragem assinalou penalidade máxima. Verschaeren converteu. Aos 45, Castagne aproveitou rebote para fechar a conta e garantir a classificação belga na vitória por 9 a 0.

Com o resultado, a Bélgica foi a primeira seleção a garantir classificação para o principal torneio de seleções do Velho Continente com três rodadas de antecipação. No Grupo I, o país soma 21 pontos e ocupa a liderança isolada. Por outro lado, o frágil San Marino segue sem pontuar, com o rombo ainda maior no saldo de gols.

A próxima rodada será disputada neste fim de semana. A Bélgica enfrenta o Cazaquistão na Astana Arena, em Nursultan/CAZ, às 10 horas da manhã do domingo (13). Um pouco mais tarde, às 13 horas, no Hampden Park, em Glasgow/ESC, San Marino entra em campo para medir forças contra a Escócia.

VAVEL Logo