A ascenção de Serge Gnabry
Foto: Reprodução /DFB

Há quatro anos, o West Brom devolvia Serge Gnabry para o Arsenal após seis meses no clube. Atualmente, o eleito Melhor Jogador do Bayern de Munique na temporada 2018-19 fez quatro gols no jogo contra o Tottenham na Champions League e um dos gols do empate contra a Argentina

Artilheiro da Die Mannschaft

O jogador tem seis gols em seis jogos pela Seleção Alemã, sendo o artilheiro da equipe nesta temporada e dez gols nos 11 jogos pelo time principal. 

Gnabry foi substituído por  Suat Serdar aos 71 minutos na vitória da Alemanha contra a Estônia por 3 a 0, no último dia 13. Porém, foi tempo suficiente para impressionar ainda mais Joachim Löw" Ele pode segurar a bola no alto, correr entre os espaços, fazer seus gols e arrumar jogadas para os outros. O desenvolvimento dele é inacreditável"  disse o técnico.

Nem sempre foi assim

"Serge veio para jogar, mas para mim não está no nível neste momento" disse Tony Pulis, técnico do West Borm em outubro de 2015, época que o alemão foi emprestado. Foram oito jogos e dois gols na metade da temporada que passou por lá. 

Em entrevista para o Daily Mail, o atacante conta que tentou o seu melhor, mas não deu certo. "Mentalmente para mim, naquele tempo no West Brom, eu disse a mim mesmo: ' Mesmo se eu tiver zero chances de jogar, tudo que posso fazer é trabalhar duro.' Você sempre vai saber o seu valor, dentro ou fora de campo. Eu sabia das minhas capacidades. Mas eu diria que o lado mental progrediu bastante durante aquela época e me ajudou a ser quem eu sou agora." 

Esta força também ajudou Serge a se decidir a deixar a Inglaterra e começar de novo no Werder Bremen

Um bom filho a casa torna

Foto: Reprodução / Bayern de Munique
Foto: Reprodução / Bayern de Munique

 

 

 

 

 

 

 

Em sua primeira temporada em seu país natal, foram 11 gols em em 27 jogos pelo Bremen. Porém foi o suficiente para chamar a atenção do Bayern de Munique. 

Porém, para pegar ainda mais experiência no futebol alemão e se preparar para competir vaga com Arjen Robben,  Franck Ribery e Kingsley Coman, foi emprestado logo em seguida para o Hoffenheim.  Comandado por Julian Nagelsmann, aprendeu a jogar em várias posições, incluindo na zaga e nas laterais e fez 10 gols em 22 jogos. 

Quando voltou ao Bayern, se tornou o terceiro jogador na história da Bundesliga a jogar por três times diferentes em três temporadas seguidas. 

VAVEL Logo