Wolverhampton surpreende, vira sobre Southampton no segundo tempo e mantém ascensão
(Foto: Divulgação/Wolverhampton)

O Southampton foi derrotado pelo Wolverhampton de virada pelo placar de 3 a 2 em pleno St. Mary's Stadium, em duelo válido pela 23ª rodada da Premier League. Bednarek e Shane Long marcaram pelo Saints no primeiro tempo e na segunda etapa, Pedro Neto e Raúl Jiménez (duas vezes) anotaram os gols dos visitantes.

Com o resultado positivo, os Wolves chegaram na sexta posição com 34 pontos, ultrapassando o Shefield United, que com o empate com o Arsenal em 1 a 1, foi a 33. Já o Southampton estacionou na 12ª posição com 28 pontos e interrompe uma sequência de quatro jogos sem perder.

O primeiro tempo foi de total controle do time do time de casa. Logo aos 15 minutos, após escanteio cobrado por Ward-Prowse, Jan Bednarek escorou no ângulo de Rui Patrício para abrir o placar para os Saints. Após isso, a pressão continuou e o time continuou tendo o controle do meio de campo e criando as melhores chances. O português Cédric, que minutos antes teve uma boa chance para marcar, cruzou na cabeça de Shane Long. Os Saints abriam dois gols à frente e os visitantes não se encontravam no jogo.

Foto: Divulgação/Southampton
Foto: Divulgação/Southampton

Na segunda etapa, o jogo mudou de panorama. Logo aos oito minutos, o português Pedro Neto descontou para os Wolves após receber lançamento, girar e chutar do canto de McCarthy.

O gol empolgou o time. O Southampton se fechou. E 12 minutos depois, Jonny sofreu pênalti após ser esmagado por Jack Stephens e Cédric. A penalidade só foi marcado pelo VAR. Então, coube a Raul Jiménez cobrar e empatar a partida no St Mary's.

Logo em seguida, os Saints tiveram um bola no travessão com Redmond, que fez fila entre a defesa e soltou o pé. Rui Patrício apenas observou e rezou. Mas, o momento era todo dos Wolves e no minuto 76, novamente o mexicano Raul Jiménez recebeu um passe açucarado de Adama Traoré e virou o jogo para delírio dos torcedores dos lobos. Foi o 10º gol do atacante na Premier League.

Foto: Divulgação/Wolverhampton
Foto: Divulgação/Wolverhampton

Mesmo com a entrada de Che Adams, o técnico Ralph Hasenhüttl não conseguiu impor seu time para frente, conhecendo assim, uma dolorosa derrota em um jogo que estava praticamente decidido até os 45 minutos do primeiro tempo. O sábado, que começou muito bem para os torcedores do Southampton, terminou de uma forma bem ruim. 

VAVEL Logo