Alisson dá assistência, Liverpool vence United e acumula 13 vitórias seguidas na Premier League
(Foto: Divulgação/Liverpool FC)

Liverpool venceu com autoridade o Manchester United no clássico dos gigantes ingleses pelo placar de 2 a 0. Os gols foram marcados por Van Dijk, no primeiro tempo e Mohamed Salah, no fim do jogo, com assistência do goleiro brasileiro Alisson Becker.

O primeiro tempo foi de total domínio do Liverpool. Com muito mais posse de bola e propondo muito mais o jogo, os Reds não deixaram o United conseguir pensar o que fazer quando estavam tentando propor suas ideias dentro da partida. O highpressing tanto treinado por Klopp mostrou-se mais uma vez, muito eficiente. Logo aos 15 minutos, após cruzamento de escanteio de Robertson, Van Dijk escorou no ângulo para abrir o placar em Anfield.

Aos 22, após bola rebatida por Salah, Van Dijk disputou a bola com De Gea e a redonda sobrou para Firmino que, com categoria, marcou o gol. Porém, o VAR invalidou o gol, marcando corretamente a falta do zagueiro dos Reds no goleiro espanhol.

Um pouco depois, Chamberlain quebrou toda a zaga do United colocando um passe na medida para Wijnaldum, que bateu cruzado e marcou. Mas, novamente, o VAR invalidou o gol corretamente pois o holandês estava em posição irregular. De Gea ainda foi salvador no fim do primeiro tempo ao defender um chute com o pé direito de Mané.

Salah marcou seu primeiro gol sobre o Manchester United na carreira | Foto: Divulgação/Liverpool FC
Salah marcou seu primeiro gol sobre o Manchester United na carreira | Foto: Divulgação/Liverpool FC

Já na segunda etapa, com menos de dois minutos, Salah perdeu um gol inacreditável. Robertson cruzou rasteiro no pé do egípcio, que dentro da pequena área e com o gol praticamente aberto, conseguiu chutar a bola em seu próprio tornozelo, perdendo uma chance incrível. Um minuto depois, Handerson tabelou com Firmino e chutou com muita força. A bola bateu em De Gea e carimbou a trave do United.

No restante da segunda etapa, o jogo continuou sobre o controle do time da casa, mas as chances diminuíram. O United apenas nas bolas aéreas dava alguns sustos, mas nada que levasse muito perigo ao goleiro Alisson. Dito isso, Klopp, faltando 10 minutos para o fim do jogo, tirou Mané e Firmino e entrou Fabinho e Origi.

Nos últimos cinco minutos finais, os Red Devils ainda pressionaram, principalmente no chuveirinho, mas não foi suficiente. Após impedimento de Mata, Alisson percebeu o avanço de Salah e lançou de dentro da sua área para o egípcio, que recebeu uma bola perfeita, avançou e chutou pro baixo das pernas de De Gea. E terminou assim o jogo em Anfield.

Com o resultado positivo, o Liverpool chega aos incríveis 64 pontos e se isola cada vez mais na liderança da Premier League. Já o Manchester United estaciona na quinta posição com 34 pontos.

VAVEL Logo