Bayern de Munique supera Colônia e retoma liderança da
Bundesliga
Foto: Reprodução/FC Bayern

Com um primeiro tempo fulminante, o Bayern München passou com facilidade pelo Colônia e voltou para o topo da tabela do campeonato, superando o RB Leipzig por um ponto. A vitória foi toda construída antes dos 15’ de jogo, período em que os atuais campeões sufocaram os Bodes e abriram 3-0. No segundo tempo o jogo foi mais parelho, mas graças às boas atuações do goleiro Manuel Neuer, o time da casa saiu da partida com apenas um gol marcado.

Blitz e vitória encaminhada logo no início

O time comandado pelo técnico Hansi Flick começou a partida a todo vapor e nem sequer deu ao Colônia uma chance de respirar. Logo aos 2’ de jogo, os bávaros fizeram uma boa triangulação no ataque e Thomas Müller deu uma ótima assistência para que Robert Lewandowski abrisse o placar. Apesar do gol marcado, o ritmo impresso não diminuiu e aos 4’, depois de outra grande jogada, Müller escorou para Kingsley Coman ampliar o marcador.

O time de Munique seguiu pressionando mesmo com o placar a seu favor e aos 12’, fez 3-0 após finalização de Serge Gnabry depois de uma cobrança de escanteio e praticamente selou a sua vitória. A essa altura, o time detinha 75% da posse de bola e conseguia conter com efetividade os princípios de jogadas de ataque criadas pelo Colônia, que por sua vez, quando tentava utilizar a marcação pressão no meio campo, não obtinha efetividade por conta da boa troca de passes rápidos e inversões feitas pelos visitantes.

Antes do final do primeiro tempo, o Bayern, com Joshua Kimmich e Gnabry, ainda acertou duas bolas na trave do Colônia, que nas raras ocasiões em que chegou no ataque, não o fez com jogadores suficientes para construir uma jogada de perigo.

Colônia no ataque, e show de Manuel Neuer

Os Bodes voltaram para o segundo tempo com maior ímpeto ofensivo, mas sem criar jogadas de ataque em massa para evitar um possível contra-ataque dos seus oponentes, que apesar de tudo, seguiam com maior posse de bola e criando ataques constantes. Nos momentos em que o Colônia conseguia criar uma jogada de contra-ataque em velocidade, a desperdiçava por pecar nos últimos passes e finalizações.

A pressão do time da casa finalmente pareceu surtiu efeito e eles chegaram ao gol em duas ocasiões, mas ambas foram anuladas por impedimento, uma do Jhon Córdoba e outra do Ellyes Skhiri, que havia dado a assistência em posição ilegal.

Apesar de seguir atacando e com maior posse de bola, o Bayern não agia com a mesma objetividade mostrada no primeiro tempo, mas aos 65’, em boa jogada individual, o Gnabry,  utilizou o espaço dado pela defesa, passou por dois marcadores e bateu com efeito no canto esquerdo, tirando tanto do zagueiro belga Sebastiaan Bornauw como do goleiro Timo Horn, fazendo 4-0.

Apenas cinco minutos mais tarde, o Colônia finalmente marcou seu gol de honra. Em contra-ataque, o austríaco Florian Kainz recebeu a bola do Córdoba e passou para Mark Uth finalizar e dar números finais ao jogo. Os anfitriões ainda seguiram pressionando e chegaram com muito perigo aos 77’, 85’ e 88’, mas foram parados por Manuel Neuer, que fez boas defesas de finalizações à queima roupa.

Com o resultado, a corrida pelo topo da Bundesliga segue acirrada. O Bayern segue na primeira colocação, com 46 pontos e é seguido de perto pelo RB Leipzig, que possui 45. Borussia Dortmund e Borussia Mönchengladbach (com um jogo a menos) seguem na cola dos dois, com 42 pontos e completam o top-4.


Na próxima rodada, o Bayern recebe o lanterna Paderborn na Allianz Arena na sexta-feira e o Colônia (14º) vai até o Olympiastadion, onde enfrenta o Hertha Berlin (13º) em uma partida de seis pontos.

VAVEL Logo