Guaraní-PAR bate Palestino-CHI, se classifica na Libertadores e chega no grupo do Palmeiras
Foto: Divulgação/Club Guaraní

No estádio General Pablo Rojas, o Guaraní venceu o Palestino por 2 a 1. O resultado classificou o Guaraní para o grupo do Palmeiras na Libertadores. O jogo que foi disputado na última quinta-feira (27), teve seus gols com Benegas para o Palestino, abrindo o placar, e Bobadilla e Redes para o Guaraní, virando o jogo.

O Guaraní chega para o jogo da primeira rodada da pré-Libertadores. Na primeira fase, duas vitórias: 1 a 0 fora de casa e 4 a 0 em casa sobre o San José. Na segunda fase, uma grande conquista: eliminar o Corinthians.

Em casa o Guaraní venceu por 1 a 0 e em São Paulo, foi 2 a 1 para o Timão, mas a regra do gol fora passou o Cacique. Hoje, após vencer o Palestino fora por 1 a 0, venceu mais uma vez e chegou na fase de grupos da Libertadores.

O jogo

Apesar de jogar fora de casa, o Palestino era quem tinha as ações do jogo, com a primeira chance de mais perigo foi aos 21, com Farias, que chutou de fora da área e mandou ela por cima, com perigo! Oito minutos depois, Tarifeño chegou pelo lado esquerdo e obrigou Servio a ficar com a bola. O Guaraní atacava pelo lado direito, dando espaço para o Palestino chegar pela esquerda.

Aos 47 do primeiro tempo, Díaz cruzou forte, rasteiro, para Benegas desviar de pé direito e abrir o placar, que levava a partida para os pênaltis!

Mas, logo aos três minutos,bem uma lambança de Felipe, que chutou para trás e depois tentou dar um peixinho para recuar a bola para o goleiro, mas o peixinho saiu fraco. Bobadilla ficou com a bola, na cara do goleiro Guruceaga, para empatar o jogo!

Apenas três minutos depois, Redes acertou um ótimo passe para Bobadilla, que tocou por cima de Guruceaga, mas ela pegou na trave direita! Em um momento, Benegas subiu mais alto que a defesa do Guaraní e cabeceou para o chão, mas Servio à la Gordon Banks, espalmou a bola e ela ainda pegou no travessão antes de a defesa tirar para longe!

Com 23 minutos, Benítez não deu a distância para a cobrança de falta do Guaraní, desviando o cruzamento. Por isso levou o amarelo, sendo o segundo e, consequentemente, o vermelho.

E, por fim, aos 35 minutos, Benítez passou para Redes no contra-ataque, que bateu cruzado, acertando o cantinho de Guruceaga e garantindo a vaga na fase de grupos da Libertadores! No fim do jogo, Maná até marcou o terceiro, mas o juiz anulou por impedimento.

Grupo B

O Palmeiras estreia na próxima quarta-feira (4), às 19h15, contra o Tigre, fora de casa. Já o Guaraní enfrenta o Bolívar, às 21h30 também da quarta, no Paraguai.

Palmeiras e Guaraní se enfrentam na terça-feira (10), às 21h30, no Allianz Parque.

Em 1968, Palmeiras e Guaraní se enfrentaram pela segunda fase da Libertadores. No Paraguai, o Cacique venceu o Verdão por 2 a 0. Em São Paulo, o alviverde venceu por 2 a 1.

VAVEL Logo