Dean Smith enxerga potencial recuperação no Aston Villa após vice: "Padrão que devemos ter"
Foto: Divulgação/Aston Villa

Não foi desta vez que o Aston Villa conquistou um título no século XXI. Na tarde deste domingo (1º), a equipe de Birmingham foi derrotada por 2 a 1 pelo Manchester City no Wembley Stadium, em Londres/ING, e ficou com o vice-campeonato da Copa da Liga Inglesa 2019-2020. O time sofreu com a intensidade do adversário no ataque, mas soube se recuperar no jogo e quase buscou o empate nos últimos momentos, que levaria a decisão ao tempo extra.

Na entrevista coletiva concedida após a partida, o técnico do Villa, Dean Smith, comentou o desempenho de seus comandados. O treinador explicou que estava confiante na vitória, mas a vantagem de 2 a 0 aberta pelo adversário com meia hora de jogo mudou o espírito do grupo. Por isso, a decepção de Smith.

“Estou desapontado porque viemos aqui com muita confiança. Todo mundo tinha desacreditado de nós, havia muita motivação no vestiário para provar que muitas pessoas estavam erradas. Eu achei que o desempenho estava bom e o plano de jogo era sólido, mas, infelizmente, teve uma montanha a ser escalada contra o Manchester City quando eles abriram 2 a 0. Eu disse à equipe que eu estava orgulhoso do desempenho deles. Contra o Manchester City, tem que ser paciente e disciplinado porque sabe que vai ficar sem a bola por longos períodos. Mas, se puder enfrentar o adversário até o último instante como fizemos, esse desempenho fará com que ganhe de outras equipes da liga”, afirmou.

O gol que abriu o placar | Foto: Divulgação/Manchester City
O gol que abriu o placar | Foto: Divulgação/Manchester City

O comandante do Aston Villa destacou que o time estava pronto para a decisão, mas o 2 a 0 no primeiro tempo não estava nos planos. Ainda assim, enfatizou e elogiou o poder de reação, de diminuir ainda no primeiro tempo e permanecer com chances durante toda a final.

“Fiquei realmente satisfeito com a reação da equipe. Eu nunca senti que o jogo fugiria do nosso alcance. Eu poderia dizer que eles estavam prontos para o jogo pela linguagem corporal e pelo olhar dos jogadores em campo. Eu mostrei a eles muitos vídeos do nosso jogo no Etihad Stadium no início da temporada, quando fomos ao intervalo com 0 a 0 no placar. Havia muito o que tirar desse desempenho, sabendo que poderíamos causar problemas a eles. Senti que causamos problemas a eles hoje”, continuou.

Bola bateu na trave e impediu o Aston Villa de empatar a decisão nos minutos finais | Foto: Divulgação/Aston Villa
Bola bateu na trave e impediu o Aston Villa de empatar a decisão nos minutos finais | Foto: Divulgação/Aston Villa

Ao fim das contas, sem título e com uma enorme preocupação. Com os resultados da rodada da Premier League, o Aston Villa despencou ao penúltimo lugar, com 25 pontos. Apesar da situação complicada, Dean Smith deixou bem claro que o desempenho dos atletas no confronto deste fim de semana é um indício de que o time vai sair dessa situação e garantir a permanência na primeira divisão do futebol da Inglaterra.

“O nível de desempenho hoje é o padrão do que devemos ser. Nós fomos anulados contra o Southampton na semana passada e esperávamos uma reação hoje. Enfrentamos uma das melhores equipes do mundo. Viemos aqui para ganhar um troféu e não conseguimos. Nossa concentração agora é a Premier League. Não se pode esconder que estamos entre os três últimos, mas, se jogarmos como jogamos hoje, sairemos da zona de rebaixamento”, finalizou.

VAVEL Logo