Marco Rose lamenta revés do Mönchengladbach contra Leverkusen: "Derrota amarga para nós"
Marco Rose, técnico do Borussia Mönchengladbach | Foto: Divulgação/Borussia Mönchengladbach

Era o primeiro jogo do Borussia Mönchengladbach no Borussia Park após o retorno da Bundesliga. O estádio esteve repleto dos cartazes com as imagens dos torcedores, inclusive dos visitantes, como bastante divulgado durante o momento de paralisação das atividades esportivas na Alemanha. Com uma boa vitória fora de casa, o clima era razoavelmente ideal para manter a sequência positiva, se consolidar na zona classificatória às competições europeias e manter as possibilidades de título. Porém, nada disso aconteceu. Na tarde deste sábado (23), os Potros enfrentaram o Bayer Leverkusen e foram derrotados por 3 a 1. Kai Havertz (duas vezes) e Sven Bender marcaram os gols dos Leões, enquanto Marcus Thuram descontou aos anfitriões.

Após a partida, os jogadores do Mönchengladbach e o técnico Marco Rose concederam entrevistas para explicar o que aconteceu na partida e o que foi determinante para a derrota da equipe em casa. De acordo com o goleiro Sommer, a penalidade máxima marcada após revisão eletrônica e que resultou no segundo gol do Leverkusen foi crucial para diminuir o espírito da equipe de buscar uma reação.

“Bayer Leverkusen foi melhor no primeiro tempo. Encontramos poucas soluções no início do jogo e perdemos muitas bolas, mas eles só fizeram 1 a 0, embora o Leverkusen tivesse uma grande chance de marcar o segundo gol, que não foi marcado por sorte. Queríamos jogar um segundo tempo melhor, mas o pênalti foi um revés para nós. Até então, estávamos bem e tínhamos boas oportunidades. Voltar ao jogo ao perder por 2 a 1 é mentalmente difícil. Depois criamos boas chances, mas o Leverkusen era simplesmente mais eficiente. Eles jogaram muito bem orientados, agressivos e nos deixaram pouco espaço para construir o jogo”, afirmou o arqueiro.

Sommer, goleiro do Borussia Mönchengladbach | Foto: Divulgação/Borussia Mönchengladbach
Sommer, goleiro do Borussia Mönchengladbach | Foto: Divulgação/Borussia Mönchengladbach

O lateral-direito Lainer seguiu na mesma direção ao apontar que o Leverkusen foi melhor, mais eficaz e obteve a vitória por essas razões. Sobre uma opinião do desempenho coletivo, o austríaco afirmou que a equipe não foi bem, cometeu erros e ocorreram momentos de desorientação, que dificultaram uma reação no momento certo.

“O Bayer Leverkusen marcou três gols e nós marcamos apenas um, por isso que eles venceram. Leverkusen teve as melhores chances no primeiro tempo, então demoramos um pouco para nos orientar. No segundo tempo, também tivemos boas chances. Queríamos permanecer no topo e todas as vitórias e todos os pontos teriam sido importantes para isso, então, os três pontos perdidos já doem. Mas, no geral, o Leverkusen foi mais eficaz e é por isso que venceram merecidamente”, disse.

Lainer, lateral-direito do Borussia Mönchengladbach | Foto: Divulgação/Borussia Mönchengladbach
Lainer, lateral-direito do Borussia Mönchengladbach | Foto: Divulgação/Borussia Mönchengladbach

O técnico Marco Rose resumiu o desempenho do Borussia Mönchengladbach na partida contra o Bayer Leverkusen com bons momentos, principalmente no segundo tempo, mas com erros cruciais para que a derrota ocorresse.

“A derrota é amarga para nós porque tínhamos grandes planos. O Leverkusen foi melhor no primeiro tempo. Chegaram mais ao ataque, ganharam mais disputas. Não permitimos um grande número de finalizações deles, mas não colocamos pressão suficiente na frente. Mudamos no segundo tempo porque queríamos mais presença no ataque e facilitar a defesa dos nossos zagueiros. Quando finalmente empatamos, eles tiveram a chance de marcar 2 a 1”, explicou.

Com o resultado, Borussia Mönchengladbach e Bayer Leverkusen inverteram posições. Os Potros ocupam a quarta colocação, com 52 pontos e o risco de serem ultrapassados pelo Leipzig, caso a equipe da Alemanha Oriental some pontos diante do Mainz, além de saírem da zona classificatória à Uefa Champions League da próxima temporada. O Borussia volta a entrar em campo às 15h30 da próxima terça-feira (26), quando enfrentam o Werder Bremen no Weserstadion, em Bremen.

VAVEL Logo