#DerKlassiker126: Bayern de Munique e Borussia Dortmund se enfrentam em duelo fundamental pelo título alemão
Foto: Reprodução/Bundesliga

Há quase 55 anos, Bayern de Munique e Borussia Dortmund se enfrentam em competições nacionais e internacionais. A rivalidade ampliada nos últimos 30 anos fez com que, mesmo em momentos diferentes durante as respectivas temporadas, os duelos fossem importantes, bem visados e com alcance mundial. E não será diferente neste meio de semana. A partir das 13h30 desta terça-feira (26), as equipes realizam mais um Klassiker, o de número 126. O confronto será válido pela 28ª rodada da Bundesliga e pode definir muita coisa em relação ao título nacional.

Com 61 pontos, o Bayern segue disparado na liderança, a quatro pontos do adversário desta tarde, e pode aumentar a vantagem para sete pontos. Consequentemente, fica mais próximo de conquistar o oitavo título consecutivo. Do outro lado, o Dortmund soma 57 pontos, segue no encalço dos bávaros e considera o duelo como crucial para acirrar a briga. Embora não considerem o clássico como final antecipada, é sabido que um tropeço aurinegro facilita muito o 30º título nacional da equipe de Munique.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore

Prodígio

A campanha do Borussia Dortmund em 2020 é irretocável. O time que oscilou bastante no começo da temporada conseguiu entrar nos trilhos e somar 27 dos 30 pontos disputados em jogos no ano. Nas duas partidas após o retorno do Campeonato Alemão, confrontos duros contra o arquirrival Schalke 04 e o Wolfsburg em boa fase. Porém, o time soube obter os resultados positivos com certa facilidade e permanece como o adversário mais provável a arrancar pontos do Bayern e ser campeão, embora o clássico não seja suficiente para zerar a diferença na tabela entre os dois.

Ainda não se sabe como a equipe será definida, a postura dos aurinegros sem sua fundamental torcida e com a Muralha Amarela vazia. Certo é que o técnico Lucien Favre não poderá contar com o meia Marco Reus (lesão na coxa e dificilmente volta a jogar na temporada), o lateral-esquerdo Nico Schulz (dores musculares) e o zagueiro Zagadou (joelho). O meia Witsel tem conduções duvidosas e teoricamente não será usado. Porém, Haaland será titular e novamente a esperança de gols do BVB. Com dez gols e três assistências, o jovem norueguês é a referência.

“Devemos acreditar em nós mesmos e não cometer erros básicos de posse de bola. Tudo se resumirá às qualidades que exibimos bem em campo nas duas últimas partidas. O time realmente estava inserido no jogo. Precisamos enfrentar as armadilhas que o Bayern domina e defender muito bem como equipe, além de estarmos cientes de nossas próprias qualidades. Sempre podemos marcar gols contra eles e podemos vencê-los”, afirmou o diretor esportivo do Borussia Dortmund, Michael Zorc.

Signal Iduna Park recebe o Der Klassiker #126 | Foto: Divulgação/Borussia Dortmund
Signal Iduna Park recebe o Der Klassiker #126 | Foto: Divulgação/Borussia Dortmund

Realidade

Se Haaland é um excelente ataque, com números extremamente eficiente com apenas 19 anos de idade, o Bayern de Munique tem a maior referência ofensiva da Alemanha – também do futebol europeu. Na atual temporada, Robert Lewandowski é artilheiro de todas as competições disputadas, sejam nacionais ou internacionais, com 41 gols e cinco assistências em 35 jogos disputados, com média superior a um gol por partida. O centroavante polonês pode atingir a marca de 30 gols, o que ocorre desde a temporada 2010/2011, bem como alcançar 300 tentos assinalados com a camisa do Gigante da Baviera.

São 80 gols marcados em 27 rodadas, e o técnico Hansi Flick comandou o clube em 23 partidas, com duas derrotas, um empate e 20 vitórias. Sua chegada foi bem abraçada por direção e elenco, tanto que seu contrato foi renovado até junho de 2023. Para buscar uma vitória crucial em busca do 30º título nacional, o zagueiro Süle é dúvida, enquanto Philippe Coutinho, Thiago Alcántara e Tolisso estão fora, todos lesionados. Em entrevista coletiva, o técnico comentou a comparação feita entre Haaland e Lewandowski, a crucialidade do Klassiker referente ao título e o Borussia Dortmund como um todo.

“Borussia Dortmund ganhou muita estabilidade na defesa com a mudança para o 3-4-3. Todos são bons. Eles têm a posse de bola que precisam para envolver rapidamente seus jogadores de ataque. Precisamos evitar isso e fechar os espaços. Eu posso imaginar que eles estarão na defensiva, mas, se fizerem algo diferente, certamente reagiremos bem. Eles estão entre os melhores times da Europa. Temos que estar no nosso melhor, preparados. Haaland é um jogador jovem, com enorme dinamismo. É a primeira vez temporada dele e muito cedo para comparar com Lewandowski, de classe mundial e consistente há anos, mas Haaland é um enorme talento. Após esta partida, temos outras para jogar. É importante nos esforçarmos ao máximo em todos os jogos e ótimo quando duas equipes se enfrentam”, declarou Flick.

VAVEL Logo