Após sair atrás, Frankfurt goleia com dois de André Silva e ultrapassa Hertha Berlin na tabela
Foto: Divulgação/Eintracht Frankfurt

Em grande estilo, o Eintracht Frankfurt goleou o Hertha Berlin por 4 a 1 fora de casa e passou o rival na tabela da Bundesliga, em partida válida pela 31ª rodada, neste sábado (13). Piatek abriur o placar, e Dost, André Silva, duas vezes, e N'Dicka completaram o placar. Boyata, do Hertha, foi expulso no fim do primeiro tempo.

A primeira etapa da partida começou lenta, mas o jogo foi ficando cada vez mais caótico ao longo do tempo. A primeira chance foi do Frankfurt aos três, quando Kostic recebeu de Kamada, cruzou e da Costa cabeceou firme, mas Jarstein segurou.

As duas equipes vieram mudadas para o jogo: o Hertha de Bruno Labbadia com um 4-4-2 com losango no meio-campo, que deixou marcação do time bagunçada, ainda mais com a lesão de Skjelbred, substituído por Samardzic aos 34. No Frankfurt, o técnico Adi Hütter manteve o 3-5-2, mas mudou várias peças, e explorou muito a liberdade pelas laterais, principalmente pela direita.

O gol da primeira etapa saiu aos 23. Instantes depois após Trapp salvar uma finalização forte de Piatek, a defesa do Frankfurt se atrapalhou na jogada seguinte o atacante polonês conseguiu ganhar uma dividida com três rivais dentro da área e chutar para abrir o placar.

Polonês chegou a quatro gols na Bundesliga (Foto: Divulgação/Hertha Berlin)
Polonês chegou a quatro gols na Bundesliga (Foto: Divulgação/Hertha Berlin)

A partir daí, o Frankfurt foi o time mais perigoso. Foram cinco finalizações, contra duas do Hertha, apesar de um pouco menos posse de bola. Aos 28, Kohr cruzou, a defesa cortou e Torró arriscou de fora da área. A bola desviou em Dost e caiu sobre a rede.

Na reta final, o Frankfurt chegou a ter um pênalti marcado em cima de Dost, mas o VAR marcou a falta fora da área. No lance, Boyata foi expulso. Na cobrança desta falta, Kostic chutou na barreira, a bola voltou e o sérvio bateu, com desvio, muito perto do ângulo, na última chance perigosa da primeira etapa


Na segunda etapa, com a entrada de André Silva, o Frankfurt dominou totalmente. Terminou a partida com 13 a cinco em finalizações, além de 56% de posse de bola. Com um amenos, o Hertha não conseguiu reagir e foi totalmente dominado.

O empate veio logo aos cinco. Da Costa cruzou, André Silva desviou e Dost se esticou na segunda trave para completar: 1 a 1. Aos 16, o golaço que decretou a virada: Kamada deixou três jogadores para trás com muita habilidade, cruzou rasteiro e André Silva completou de letra.

Sete minutos depois, da Costa cruzou, a zaga desviou e N'Dicka finalizou de primeira de pé esquerdo, e mandou no canto de Jarstein para ampliar a vantagem. O técnico do Hertha tentou fazer alterações para reposicionar seu time, inclusive tirando Samardzic, que havia entrado durante o primeiro tempo, mas o panorama não se alterou.

A melhor chance dos berlinenses na segunda etapa foi aos 37, em cobrança de falta de Matheus Cunha, que entrou na segunda etapa, voltando a atuar após se recuperar de lesão. Mas o Eintracht transformou a vitória em goleada: aos 41, Ilsanker deu belo passe em profundidade e André Silva tocou na saída do goleiro para fechar o placar no Olímpico de Berlim.

Classificação e próximos compromissos

O Hertha Berlin, 10º colocado, com 38 pontos, volta a campo na terça-feira (16) em confronto direto com o Freiburg, fora de casa, às 15h30. No dia seguinte, o Frankfurt, nono, também com 38, joga em casa contra o Schalke 04, às 13h30.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore
VAVEL Logo