Autor de gol contra o Leganés, Ansu Fati ganha moral com técnico do Barcelona
Foto: Noelia Déniz

O Barcelona conquistou a segunda vitória seguida desde o retorno de LaLiga ao superar o lanterna Leganés por 2 a 0 no Camp Nou, nesta terça-feira (16). Ansu Fati e Messi marcaram os gols da vitória blaugrana.

"Sempre é melhor trabalhar com diversas possibilidades, não depender de apenas dois ou três jogadores que fazem os gols. Além do gol, o Ansu Fati trabalhou bem enquanto esteve em campo, inclusive participou do jogo coletivo", elogiou Quique Setién ao citar o autor do primeiro gol do Barcelona.

O jovem de 17 anos foi substituído no segundo tempo, mas o treinador explicou que realizou as mudanças na equipe para minimizar o desgaste físico do elenco na reta final da temporada.

A vitória poderia ser mais elástica caso o árbitro não tivesse anulado um gol de Griezmann, que também passou em branco diante do Mallorca. Apesar do jejum nessa retomada do campeonato, Setién garante estar satisfeito com o desempenho do francês.

Mesmo com a defesa sem ser vazada pelo segundo jogo seguido, o técnico do Barcelona apontou problemas na equipe. "Conquistamos nosso primeiro objetivo que era conquistar os seis pontos. Precisamos melhorar nossa postura quando enfrentamos rivais que jogam mais fechados. Além disso, erramos em alguns lances quando ainda estava 0 a 0 e isso poderia ter custado nossa vitória. Sabíamos que não seria um jogo fácil", alertou.

Setién assumiu que é estranho jogar com portões fechados no Camp Nou, que chega a receber 90 mil pessoas em jogos do Barça. "Uns jogadores sentem mais do que os outros e temos que nos adaptar aos jogos sem torcida, mas isso vale para os dois lados e quando formos a Sevilla, por exemplo, isso pode se tornar uma vantagem".

Faltam nove rodadas para o final do Campeonato Espanhol. O Barcelona volta a campo na sexta-feira (19), quando encara o Sevilla no Ramón Sánchez-Pizjuán.

VAVEL Logo