Peter
Bosz lamenta revés do Leverkusen: "Única coisa que podemos fazer
agora é vencer"
Foto: Divulgação/Bayer Leverkusen

Tristeza define o ambiente nos bastidores do Bayer Leverkusen. Após a tv mostrar os jogadores abalados no banco de reservas, nos momentos finais da partida diante do Hertha Berlin, e a equipe perder por 2 a 0, fora de casa, os Leões foram ultrapassados pelo Borussia Mönchengladbach na classificação. Para próxima rodada, precisa vencer e torcer por tropeço dos Potros.

Em entrevista, o técnico Peter Bosz mencionou a decepção pelo resultado em poucas palavras: “A única coisa que podemos fazer agora é vencer o próximo jogo. E então temos que esperar.”

O goleiro Hradecky também analisou a partida dos aspirinas: “Foi muito pouco, muito fraco, muito inofensivo o que fizemos. Provavelmente, nós éramos nossos maiores adversários hoje."

Com a derrota, o Bayer Leverkusen caiu para quinta colocação, se mantém com 60 pontos e se despedirá da atual edição da Bundesliga em jogo diante do Mainz no próximo sábado (27), na BayArena, às 10h30.

VAVEL Logo