Após empate, Piqué desacredita em título do Barcelona: "Difícil que o Real Madrid perca pontos"
Piqué atuando na parte ofensiva (Foto: Divulgação/Barcelona)

O empate sem gols diante do Sevilla poderá custar caro ao Barcelona. No topo da tabela de classificação, a equipe blaugrana chega aos 65 pontos, mas podem ser ser ultrapassados pelo rival Real Madrid, com 62, que ainda joga na rodada. Na saída do gramado, o zagueiro Piqué  demonstrou descrença no título da LaLiga.

"Vendo que fizemos nos últimos três jogos, acho que vai ser muito difícil ganhar a LaLiga. Não dependemos só da gente, mas vamos fazer o possível. Difícil crer que o Real Madrid perca pontos".

Quique Setién minimizou a declaração do zagueiro. Para ele, foi a emoção do momento e não acredita nos resultados positivos dos Merengues.

"É a frustração do momento. Especialmente desde que a primeira parte que fizemos foi boa. Talvez o sentimento não seja positivo agora, mas certamente ele o verá de forma diferente amanhã. Acho que o Real Madrid também não vai ganhar tudo".

Foto: Divulgação/Barcelona     

Sobre a partida no estádio Ramón Sánchez Pizjuán, o técnico relatou o bom primeiro tempo. Contudo, o Barça acabou dando espaços para os dono da casa e não conseguiram repetir o desempenho na parte final.

"Ficamos esperançosos após os primeiros 30 minutos, que foram extraordinários , jogamos no campo rival. Após o intervalo, perdemos a coordenação na pressão, sofremos algumas perdas e oferecemos contra-ataques. No segundo tempo, nos custou mais. Ficamos descoordenados, permitimos que eles se afastassem e a combinação é uma equipe rápida que o machuca. Foi difícil gerar situações com tantas pessoas envolvidas na área, não poderia ser, foi tentado, mas não poderia ser".

Setién salienta que não é o momento de dramatizar. Ainda, lembra dos pontos existentes até o término da temporada.

"Acho que você precisa criticar algumas coisas. Também fizemos bem. Existem duas opções: lamentar ou pensar no que estamos fazendo bem. Eu já previ isso. Não acho que seja uma situação para dramatizar. Já vi os jogos, há muitos pontos e acho que existe muita igualdade nos jogos. Precisamos pensar em como melhorar nossa profundidade para causar mais dano. Isso precisa ser melhorado e estamos trabalhando nisso ".

O Barcelona entra em campo na próxima terça-feira (23). Desta vez, o adversário será o Athletic Bilbao, às 17 (de Brasília), no Camp Nou.

VAVEL Logo