Mourinho
vê Tottenham longe de vaga à Liga dos Campeões: "Temos que ser mais fortes mentalmente"
Foto: Divulgação/Tottenham

Tottenham perdeu confronto direto contra o Sheffield United por 3 a 1, nesta quinta-feira (2) pela 32ª rodada da Premier League. No Bramall Lane, os gols foram anotados por Sander Berge, Lys Mousset e Oliver McBurnie pelos Blades. Harry Kane fez o único dos Spurs.

O time da casa ficou menos com a bola durante toda a partida, mas soube aproveitar a deficiência defensiva do Tottenham dentro da pequena área. Enquanto isso, a equipe visitante trocou mais passes, porém foi menos eficiente. Pelo menos em relação a gols regulares, uma vez que o centroavante Kane marcou quatro vezes, e só uma foi válida.

José Mourinho, técnico dos Spurs, acha que a classificação para a Liga dos Campeões ficou complicada - o time está nove pontos atrás do Chelsea, quarto colocado.

Resultado ruim. Crucial para a briga pela Liga dos Campeões. Tivemos a oportunidade hoje de pressionar e tentar até o fim. Acho que, com esses resultados, fica muito difícil sonhar com a Champions. E vai ser muito difícil, uma grande luta com Sheffield, Arsenal, Everton, muitos clubes que vão brigar pela Liga Europa”.

O português reclamou da falta de reação de sua equipe após momentos cruciais da partida.

Futebol não é estatística, mas sim quantos gols você faz. Tivemos a posse de bola, mas não fomos agressivos, intensos o suficiente para criar mais que eles. Se você quer alcançar objetivos, você tem que ser estável em performance, em resultados e mentalmente. Um gol não pode nos matar, pode ser uma grande decepção para nós, mas tivemos tempo suficiente para reagirmos, psicologicamente, como time de forma diferente, e não morrer. Por isso que nos culpo, pois temos que ser muito mais fortes, mentalmente, para lidar com situações como essa”.

O brasileiro Lucas Moura lamentou pelo resultado, que dificulta ainda mais a vida dos Spurs na disputa por vaga na Champions.

Noite difícil, resultado difícil. Sabíamos que esse jogo era muito importante. Ficamos em uma situação muito difícil agora. Mas precisamos continuar trabalhando até o fim. Nós tentamos, lutamos, eles jogaram bem, a gente sabia que seria difícil jogar aqui. Precisamos melhorar, não está suficiente o que estamos fazendo”.

Lucas espera uma reação já na próxima partida. “Segunda-feira temos outro jogo, outra oportunidade, sabemos que a situação está muito difícil agora, mas não é impossível. Vamos lutar e dar o nosso melhor, é o mínimo que precisamos fazer”.

A derrota custou duas posições ao Tottenham na rodada, sendo ultrapassado pelo próprio Sheffield. O time está na nona colocação com 45 pontos, sete atrás do Wolverhampton, que ocupa a segunda vaga para a Liga Europa. O próximo compromisso é contra o Everton na segunda-feira (6), às 16h, em Londres.

VAVEL Logo