Fiorentina empata com Cagliari e amplia jejum de vitórias em casa
Foto: Divulgação/ACF Fiorentina

Fiorentina e Cagliari criaram várias chances, mas não conseguiram afinar a pontaria e empataram em 0 a 0 nesta quarta-feira (8), no estádio Artemio Franchi, pela 31ª rodada da Serie A. Com o resultado, a Viola chegou ao sexto jogo seguido sem vencer em casa - a última vitória em Florença foi em janeiro.

O Cagliari teve uma chance com menos de um minuto, em chute de fora de área Nainggolan, e chegou a marcar aos cinco, mas o gol de Simeone, ex-Fiorentina, foi anulado por impedimento milimétrico. Rog também teve boa finalização de longa distância aos 12, mas a Viola conseguiu reagir depois de um bom início rossoblù e teve boas chances.

Aos 15, Chiesa recebeu boa bola de Ribéry e finalizou bem, mas Cragno pegou. A Fiorentina apostou em uma escalação mais ofensiva que no último jogo, escalada no 3-4-3, e explorando principalmente as laterais. Aos 27, Lirola recebeu de Ribéry, chutou com desvio, e o goleiro segurou.

A principal oportunidade da Viola foi aos 38. Duncan recebeu de Badelj na entrada da área, finalizou forte e acertou a trave. Na sequência, o zagueiro Ceccherini apareceu na área e finalizou bonito, à direita do gol. Já no último minuto do tempo regulamentar, Chiesa arrancou no contra-ataque, atravessou bola na segunda trave e Ribéry se lançou para finalizar, mas Cragno evitou o gol do francês.

Na segunda etapa, apesar da posse de bola maior da Viola, o Cagliari teve mais chances - foram seis finalizações, certas, contra cinco e três da Fiorentina, respectivamente. Mas Dragowski salvou os mandantes.

Aos nove, após bola atravessada da esquerda para o meio, Nández apareceu livre e finalizou forte, mas o goleiro da Viola brilhou. No minuto seguinte, o uruguaio fez grande jogada individual, chutou cruzado e Dragowski salvou outra vez. Na sequência, Simeone finalizou, parando outra vez no polonês.

As alterações feitas pela Fiorentina diminuíram o ímpeto do Cagliari, e a Fiorentina conseguiu controlar mais o jogo. A principal chance rossoblù daí para frente foi uma finalização de Lykogiannis de fora da área, que foi seguramente defendida por Dragowski.

O estreante Kouamé, que chegou a Fiorentina em janeiro e só agora se recuperou de lesão, foi importante para criar chances. Aos 31, após bola desviada por Lykogiannis, ele cabeceou no ângulo, mas Cragno espalmou.

Já nos acréscimos, em escanteio fechado, Kouamé raspou e Cáceres apareceu dentro da pequena área, mas a bola passou no meio das pernas do uruguaio e saiu. Assim, apesar de 27 finalizações totais no jogo - 16 a 11 para a Fiorentina -, o jogo terminou zerado.

Classificação e próximos jogos

A Fiorentina ocupa apenas a 13ª colocação, com 35 pontos, oito acima da zona de rebaixamento. A Viola vai ter mais uma chance de quebrar a sina em casa diante do Hellas Verona, no domingo (12), às 14h30.

No mesmo dia e horário, o Cagliari recebe o ameaçado Lecce. O time, que já chegou a brigar por lugares na zona de Champions League no primeiro turno, está em 11º, com 40 pontos, oito atrás da Roma, última na zona de vagas europeias.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore
VAVEL Logo