Na luta ponto a ponto pela Champions League, Manchester
United visita Crystal Palace
Foto: Divulgação/Premier League

Crystal Palace e Manchester United se enfrentam nesta quinta-feira (16) às às 16h15 no Selhurst Park. A partida, válida pela 36ª rodada da Premier League, já no fim do campeonato, é decisiva para os Red Devils na parte de cima da tabela.

O time da casa vai apenas cumprir tabela nestes três últimos jogos. Apesar do péssimo retrospecto nos últimos cinco jogos, com cinco derrotas, os Eagles não correm mais risco de rebaixamento, mas também não têm chance matemática de classificação para as vagas de ligas europeias.

Já o United, em boa fase e atualmente com a primeira vaga para a Liga Europa, vai em busca dos três pontos visando à classificação para a Liga dos Campeões. Possui a mesma pontuação do Leicester, que ocupa a quarta posição, ficando atrás em saldo de gols.

O último confronto entre as duas equipes terminou com vitória do Crystal Palace por 2 a 1 em pleno Old Trafford. Os gols foram de Daniel James pelo time mandante e de Jordan Ayew e Patrick van Aanholt pelo visitante.

Eagles tentam acabar com sequência de derrotas 

O Crystal Palace está na 14ª colocação do Campeonato Inglês com 42 pontos. Faltando três jogos para o fim da competição, não pode mais ser alcançado pelo Bournemouth, primeiro colocado na zona de rebaixamento. Da mesma forma, não consegue mais alcançar o Wolverhampton, dono da segunda vaga para a Liga Europa.

Mesmo não tendo mais o que disputar na temporada, os Eagles têm a chance de interromper uma sequência muito negativa: 15 pontos disputados e nenhum conquistado. Na última rodada, foi derrotado pelo Aston Villa por 2 a 0 fora de casa.

O técnico Roy Hodgson está confiante quanto ao retorno do lateral Jeffrey Schlupp, sem jogar há meses por lesão.

"Os médicos e o departamento médico estão cautelosos, mais uma vez, porque está fora do futebol há muito tempo, quantos minutos ele (Schlupp) poderia jogar com segurança... Mas é muito bom tê-lo disponível, pelo menos, e ele próprio se sente bem e ficaria muito feliz em jogar o máximo que acho que posso dar a ele".

Hodgson também confirmou que o zagueiro James Tomkins se juntou a Schlupp no ​​retorno aos treinos. Mais um que pode voltar a ser utilizado é o lateral Martin Kelly, que recuperou a boa forma.

"Ele está de volta aos treinos há quase duas semanas, então isso significa que, se quiséssemos usá-lo, ele estaria disponível. Mas, é claro, a menos que eu tenha sido realmente forçado a fazer isso. Prefiro dar-lhe um pouco mais de tempo, porque ele está fora há tanto tempo que o dia em que ele voltar será um grande dia. Então, eu preferiria mantê-lo na manga o máximo de tempo possível”.

Por outro lado, o centroavante Christian Benteke é desfalque certo pela expulsão no último jogo dos Eagles.

Provável escalação do Crystal Palace: Guaita; Ward, Sakho, Dann, van Aanholt; Milivojevic; Townsend, McCarthy, Kouyate, Zaha; Ayew.

Após sofrer empate no último minuto, United espera ter aprendido lição

O Manchester United soma 59 pontos, ocupando a quinta posição da tabela. Garantindo a primeira vaga para a Liga Europa, os Red Devils vão disputar suas três últimas partidas no Inglês focando na classificação para a Liga dos Campeões. Na sua frente e ainda alcançáveis, estão o Chelsea com 63 pontos e o Leicester com também com 59, porém com três gols a mais em saldo.

Apesar das quatro vitórias nos últimos cinco jogos, o empate em casa na última rodada foi inesperado e doloroso para a equipe, com gol do Southampton aos 51 minutos do segundo tempo. Mas a boa fase também se estende para outra competição, a FA Cup, pela qual enfrenta o Chelsea nas semifinais.

Ole Gunnar Solskjaer, técnico do United, garante que não se preocupa com a mentalidade de seus jogadores por conta do último resultado decepcionante.

Devo dizer que a mentalidade dos meninos tem sido brilhante. Tivemos alguns contratempos ao longo da temporada, é claro, e esse é outro desafio para nós. Estou muito confiante na mentalidade deles”.

O comandante explica o que aconteceu faz parte do futebol e deve servir de lição.

Fiquei muito decepcionado, é claro, mas você tem que aceitar as decepções e os pontos positivos ao vencer os jogos. Claro, a decepção com isso é quando é um dos últimos chutes do jogo, e você concede um gol e perde dois pontos. Isso faz parte do futebol e aprendemos uma lição difícil, espero. Vamos acertar. Eu confio neles nesse aspecto”.

Segundo Solskjaer, a hipótese de que o Manchester United não soube lidar com a pressão depois que o rival Chelsea perdeu pontos em várias ocasiões nesta temporada não é verdadeira.

"Absolutamente, não. Não acho que nenhum de nossos jogadores tenha pensado algo assim. De maneira alguma. É assim que os jogos acontecem. Todos jogamos contra os mesmos times e todos temos 38 jogos para disputar, e ele se igualará durante a longa temporada. Você merece a posição que obtém no final".

Contra o Crystal Palace, Luke Shaw, Brandon Williams e Greenwood são dúvidas devido a lesões sofridas na última partida. Diogo Dalot pode assumir a lateral esquerda.

Provável escalação do Manchester United: De Gea; Wan-Bissaka, Lindelof, Maguire, Williams; Fred, McTominay; James, Fernandes, Rashford; Martial.

VAVEL Logo