Manchester City defende vantagem contra Real Madrid por vaga nas quartas da Champions
Foto: Victor Carretero / Real Madrid CF

Dos 12 times que seguem vivos na Champions League, o Manchester City é o único inglês e volta a campo após construir uma vitória por 2 a 1 diante do Real Madrid em pleno Santiago Bernabéu. A busca pelo título mais importante na história do clube tem como desafio superar o maior campeão do torneio, que acumula 13 títulos. A bola vai rolar às 15h45, no Etihad Stadium.

No jogo de ida, em 26 de fevereiro, Isco abriu o placar mas o Manchester City virou com gols de Gabriel Jesus e Kevin de Bruyne. Cinco meses depois, até mesmo uma derrota por 1 a 0 classifica os ingleses. Quem avançar neste confronto encara Lyon ou Juventus nas quartas de final do torneio mais importante da Europa

Seis brasileiros devem começar jogando este confronto, sendo três de cada lado. O goleiro Ederson é titular absoluto, enquanto o atacante Gabriel Jesus herda a vaga do artilheiro Kun Aguero, lesionado. O outro da equipe inglesa é o polivalente Fernandinho, meio-campista de origem que tem sido escalado na zaga. No time espanhol, o volante Casemiro é um dos capitães da equipe, o atacante Vinicius Júnior também conquistou a confiança de Zidane e o lateral/zagueiro Eder Militão tem a missão de substituir o suspenso Sergio Ramos.

City aposta na força do ataque para conquistar o título inédito

Desde que a bola voltou a rolar na Inglaterra, o City venceu nove jogos e perdeu três. A equipe fez 36 gols e levou sete. A equipe está sem jogar desde 26 de julho, quando goleou o Norwich por 5 a 0 na Premier League. No total a equipe marcou 146 gols em 57 jogos na temporada, o melhor índice entre as cinco principais ligas europeias (Alemanha, Espanha, França, Inglaterra e Itália).

Apesar de jogar pelo empate, o técnico Pep Guardiola deve manter a postura ofensiva e declarou que a ideia é tentar levar o jogo da forma que o City fique mais à vontade. Além de Aguero, o lateral Mendy cumpre suspensão automática pelo acúmulo de cartões amarelos.

"Jogaremos em casa, mas sem nossa torcida. Em uma competição como essa os erros castigam muito, então conversamos sobre isso. Sinto que estamos prontos para ter um bom desempenho e vencer o jogo. Para sermos campeões é necessário passar pelo Madrid e temos consciência de que precisamos dar esse passo a mais"

Provável escalação do Manchester City: Ederson; Walker, Fernandinho, Laporte e Cancelo; Rodrigo, Gundogan, David Silva; De Bruyne, Gabriel Jesus e Sterling.

Só a vitória interessa ao Real

Sem Bale, que pediu para não jogar, nem Sergio Ramos, suspenso, o maior campeão da história da Champions League está motivado, como garante o técnico Zinédine Zidane. A equipe entrou em campo pela última vez em 19 de julho, quando empatou em 2 a 2 com o Leganés, mas terminou a temporada espanhola em alta como campeão.

"Temos uma desvantagem e sabemos disso. Para nós é outra final e tentaremos fazer um grande jogo. Estamos todos preparados e vamos precisar dos jogadores ligados, focados somente na partida. Temos nossas armas e vamos ver um jogo bonito", diz Zidane.

Provável escalação do Real Madrid: Courtois; Carvajal, Varane, Militão e Mendy; Casemiro, Modric, Kroos; Hazard, Benzema e Vinicius Jr. (Rodrygo).

VAVEL Logo